'Londres cobra pedágio de Obama' Prefeito diz que presidente não escapará da taxa

Obama-pedagio

Nem o presidente americano, Barack Obama, conseguiu escapar do pedágio de Londres. O prefeito da capital do Reino Unido, Boris Johnson, declarou nesta quinta-feira (26) que o carro oficial de Obama terá de pagar o pedágio urbano por circular no centro da cidade durante a recente visita de Estado.

Johnson disse que vai enviar ao presidente dos Estados Unidos uma conta equivalente a R$ 26 (10 libras) por cada carro da comitiva de seguranças de Obama.

A taxa será aplicada também ao Cadillac oficial do presidente, mais conhecido como The Beast (A Besta, em tradução livre), anunciou o prefeito ao jornal britânico Evening Standard.

O prefeito explicou que a tarifa será cobrada já que “não houve interrupção de ruas durante sua visita”, ao contrário do ocorrido durante a recente visita do papa Bento 16 a Londres, em que as ruas foram interditadas.

- A comitiva irá pagar a taxa, eu estou feliz em dizer isso.
Fonte:FolhaSP



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.