Prisões de bombeiros no Rio está fora da 'alçada' de novo comandante

Corpodebombeiros280

Nesta segunda-feira, o novo comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, o coronel Sérgio Simões, afirmou que não pode fazer nada no caso da prisão dos 439 manifestantes no último sábado. “Isso está fora da minha alçada e não tenho como reivindicar em relação às prisões. Esses manifestantes terão o direito de se defender individualmente antes de serem julgados”, afirmou durante entrevista.

No domingo, Simões ainda teria enviado um recado aos líderes que estão à frente do protesto no intuito de iniciar conversas. “Estou à disposição para discutir e levar as reivindicações ao governador. Mas para isso, eles precisam estar dispostos a trocar, para que eu entenda, exatamente, o que eles esperam”, informou.



Publicidade


Outras Notícias


PREFEITURA DE CACHOEIRO E SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE AMPLIA EXAMES

Caminhoneiro sofre sequestro-relâmpago e tem caminhão roubado em Cachoeiro

Motorista morre afogado em Itapemirim

Jovem de 15 anos morre após perder o controle de motocicleta na curva de Boa Vista, em Marataízes.

Público não comparece ao Carnaval de Cachoeiro

São Martiniano - O jovem eremita

Caminhão e carro batem de frente e duas pessoas morrem na BR 101 em Atílio Vivácqua

Campanha coleta mais de 40 toneladas de lixo eletrônico em Cachoeiro

Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.