Prisões de bombeiros no Rio está fora da 'alçada' de novo comandante

Corpodebombeiros280

Nesta segunda-feira, o novo comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, o coronel Sérgio Simões, afirmou que não pode fazer nada no caso da prisão dos 439 manifestantes no último sábado. “Isso está fora da minha alçada e não tenho como reivindicar em relação às prisões. Esses manifestantes terão o direito de se defender individualmente antes de serem julgados”, afirmou durante entrevista.

No domingo, Simões ainda teria enviado um recado aos líderes que estão à frente do protesto no intuito de iniciar conversas. “Estou à disposição para discutir e levar as reivindicações ao governador. Mas para isso, eles precisam estar dispostos a trocar, para que eu entenda, exatamente, o que eles esperam”, informou.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.