Ivete Sangalo está na mira da Justiça e da Receita

Ivete

A Justiça revelou mais detalhes de um processo movido contra Ivete Sangalo, nesta semana.

O ex-baterista de Ivete Sangalo, Antônio da Silva, conhecido por Toinho Batera, move um processo contra a cantora no qual pede indenização de R$ 5 milhões por verbas trabalhistas.

Até a semana passada, o processo corria em segredo de Justiça. Mas a 18ª Vara do Trabalho de Salvador tirou o processo do sigilo, no dia 15 de junho.

As informações são do jornal Folha de S.Paulo. De acordo com o veículo, Batera conta que foi obrigado a abrir uma empresa, para não ser contratado formalmente.

Toinho Batera denunciou a cantora após ser demitido, em 2010. Na mesma época, Ivete descobriu um rombo financeiro na sua holding, a Caco de Telha, supostamente causado pelo irmão dela, Jesus Sangalo, de acordo com a revista Veja.

Batera afirma ao jornal que, após ser demitido, ainda foi agredido por Jesus Sangalo, enquanto tentava um acordo. O irmão de Ivete nega as acusações.



Publicidade


Outras Notícias


Cachoeiro se prepara para receber mais uma edição da Stone Fair

Bienal Rubem Braga terá encontro nacional de literatura fantástica

Dia D de vacinação contra gripe em Cachoeiro é no sábado (12)

Inscrições no Enem já começaram

Inscrições para o Enem passam de 200 mil em uma hora e meia

São Pedro de Tarantásia, foi um homem pacificador

Diocese de Cachoeiro adota medidas para evitar contágio de gripes

Santa Casa lança campanha para incentivar mulheres a doar sangue

Estudantes são assaltadas na porta de faculdade em Cachoeiro

Homem é morto durante tentativa de assalto em Cachoeiro

Nasceu; e agora? Psicólogos explicam como lidar com a depressão pós-parto

Atenção, motoristas! IPVA de veículos com finais de placas de 6 a 0 começa a vencer

Prorrogado para 10 de maio prazo para renovar contratos do Fies

Campanha de vacinação em todo o país vai até 01 de junho

Conta de luz: Em maio bandeira tarifária mais cara

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.