Após ser solto, Strauss-Kahn volta a ser acusado de violência sexual

Jornalistaabusada (1)

O ex-diretor-geral do FMI Dominique Strauss-Kahn voltou a ser acusado de abusar sexualmente de uma mulher. Dessa vez, a vítima é a jornalista e escritora Tristane Banon, de 31 anos, que acusa Strauss-Kahn de tentar estuprá-la em 2002.

“Minha cliente, Tristane Banon, apresentará uma queixa por tentativa de estupro contra Strauss-Kahn. Abrirei o processo nesta terça-feira, dia 5 de julho, na promotoria, que o receberá na quarta-feira pela manhã”, afirmou o advogado de Banon, David Koubbi.

Na última semana, Dominique Strauss-Kahn foi libertado depois que a promotoria apresentou provas de supostas mentiras e contradições durante o depoimento de uma camareira de um hotel de Nova York, que acusou o ex-diretor-geral de abuso sexual. O caso chegou a causar a renúncia de Strauss-Kahn.



Publicidade


Outras Notícias


Bienal Rubem Braga terá encontro nacional de literatura fantástica

Dia D de vacinação contra gripe em Cachoeiro é no sábado (12)

Inscrições no Enem já começaram

Inscrições para o Enem passam de 200 mil em uma hora e meia

São Pedro de Tarantásia, foi um homem pacificador

Diocese de Cachoeiro adota medidas para evitar contágio de gripes

Santa Casa lança campanha para incentivar mulheres a doar sangue

Estudantes são assaltadas na porta de faculdade em Cachoeiro

Homem é morto durante tentativa de assalto em Cachoeiro

Nasceu; e agora? Psicólogos explicam como lidar com a depressão pós-parto

Atenção, motoristas! IPVA de veículos com finais de placas de 6 a 0 começa a vencer

Prorrogado para 10 de maio prazo para renovar contratos do Fies

Campanha de vacinação em todo o país vai até 01 de junho

Conta de luz: Em maio bandeira tarifária mais cara

São Floriano, padroeiro dos bombeiros

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.