Após furto no prédio da Polícia Civil, delegado revista bolsa de faxineira

Furto_pcdeg

O delegado Márcio Franco, chefe de Polícia Especializada (DGPE), afirmou que R$5 mil foram furtados de sua sala, dentro do prédio sede da Polícia Civil. Durante a investigação, ele teria sugerido que pessoas do setor da faxina teriam sido responsáveis.

O delegado disse que além dele, o setor de limpeza também tem uma cópia da chave de sua sala. Ele informou que a faxineira Arquidea da Costa costumava limpar o espaço antes do início de seu expediente.

De acordo com a funcionária da empresa terceirizada responsável pela faxina, no dia do furto, Marcio Franco estava “nervoso” e a chamou em sua sala. Ao ser questionada sobre o envelope que continha o dinheiro, ela negou que tivesse retirado da gaveta dele. O delegado teria dito que ela era “cara de pau”.

Em depoimento, Arquidea disse que sofreu constrangimento, já que, foi levada a uma sala e teve a sua bolsa revistada. Segundo ela, o delegado também a teria proibido de circular nas dependências do prédio.

O chefe da DGPE solicitou que a cópia da chave de seu gabinete fosse retirada do setor de limpeza e completou dizendo que a faxina na sua sala fosse feita no horário em que estivesse trabalhando.

Segundo o delegado o dinheiro furtado é de carater pessoal. O furto aconteceu na semana passada, mas só foi divulgado nesta terça-feira. Em nota oficial, a Polícia Civil admitiu que há fragilidade na segurança do prédio.
Fonte:SRZD



Publicidade


Outras Notícias


PREFEITURA DE CACHOEIRO E SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE AMPLIA EXAMES

Caminhoneiro sofre sequestro-relâmpago e tem caminhão roubado em Cachoeiro

Motorista morre afogado em Itapemirim

Jovem de 15 anos morre após perder o controle de motocicleta na curva de Boa Vista, em Marataízes.

Público não comparece ao Carnaval de Cachoeiro

São Martiniano - O jovem eremita

Caminhão e carro batem de frente e duas pessoas morrem na BR 101 em Atílio Vivácqua

Campanha coleta mais de 40 toneladas de lixo eletrônico em Cachoeiro

Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.