Viúva da Mega-Sena procura culpado

Viva_megasena924

Adriana Almeida, conhecida como a Viúva da Mega-Sena, disse que não descansa enquanto não achar o culpado pela morte de seu marido, Renné Senna, morto à tiros em 2007, depois de ganhar o prêmio de R$ 52 milhões.

“Eu não descanso enquanto não pegarem o culpado”, afirmou a viúva. Ela foi inocentada pela Justiça da acusação de ter matado o marido. No início do mês, o Tribunal do Júri de Rio Bonito, na baixada litorânea fluminense, decidiu que Adriana não encomendou a morte de Renné Senna.

Ele ganhou o prêmio em 2005 e um ano depois os dois começaram a namorar. Em 2007, Senna foi morto a tiros em um bar. Suspeita de ter encomendado o assassinato, a ex-cabeleireira ficou presa por um ano e meio. Ela acusa a filha de Renné Senna pelo crime.

“Ela já ganhou, em quatro anos, R$ 2 milhões com o inventário da fazenda. Agora vocẽ já viu como está a fazenda. Completamente abandonada. E eu? Não tirei dinheiro nenhum com essa história até hoje. A quem interessava a morte do Renné?”, questionou.

A herança de Renné Senna está avaliada em R$ 100 milhões, mas o dinheiro ainda não tem dono. Se absolvida definitivamente, Adriana terá direito a metade da fortuna. A outra parte ficaria com a filha do ganhador.


Mauricio - Postado mais de 5 anos atrás
Eu desenvolvi um canal de comunicação entre eu e o além e posso descobrir para Adriana Almeida quem encomendou o crime. Veja esse vídeo no youtube, nele descobro quem executou Eliza Samúdio: http://www.youtube.com/watch?v=EILhV557NXo Tem outros no meu canal. Eu já sabia onde estava Osama Bin Laden, veja esse video também: http://www.youtube.com/watch?v=xILsKv54PiY mauricioperegrinno@gmail.com


Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.