Proprietária da Daslu, Eliane Tranchesi morre vítima de câncer em São Paulo

Eliana-dona-daslu-hg-20100507

A empresária Eliane Tranchesi, que comandou a butique multimarcas de luxo Villa Daslu, faleceu, na madrugada desta sexta-feira, em função de complicações causadas por um câncer no pulmão. Eliane tinha 55 anos, e estava internada no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Ela lutava contra a doença desde 2006, quando foi internada para a retirada de um tumor no pulmão.

Em 2009, Eliane se envolveu numa polêmica: foi condenada a 94 anos e seis meses de prisão pelos crimes de formação de quadrilha, fraude em importações e falsificação de documentos. Logo depois ela obteve o habeas corpus e foi solta.

O velório será no hospital até as 14h, e o enterro será às 15h no cemitério do Morumbi. A empresária comandou a butique que foi fundada por sua mãe Lucia Piva.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.