Estudantes da USP debaterão drogas em 'semana do baseado'

Drogas

Alunos da USP (Universidade de São Paulo) promovem, de hoje a sexta-feira, a “Semana de Barba, Bigode e Baseado”. A organização é de alunos da FFLCH (Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas).

O objetivo é discutir a proibição do uso de drogas ilícitas com debates, palestras e exibição de vídeos.

“Porque droga não é demônio. Porque o que está em pauta é a autonomia sobre o próprio corpo e a liberdade de escolha”, diz trecho da descrição do convite do evento, feito via Facebook.

Amanhã ocorrerá uma noite do fumo coletivo, que, “para efeitos jurídicos”, será feita com “apenas orégano, substância lícita”, segundo o texto do convite.

Alguns professores da USP participarão da semana como palestrantes.

Uma festa de arrecadação de fundos para a Marcha da Maconha -movimento que defende a legalização da droga no Brasil-, na sexta-feira, encerra a semana.

As atividades (incluindo a festa) acontecerão, sempre à noite, no espaço verde, uma sala da FFLCH.

Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa da USP afirmou que a reitoria não vai se manifestar sobre o assunto.

ASSUNTO POLÊMICO

O tema é polêmico na universidade. Em novembro, alunos invadiram a reitoria após um confronto entre estudantes e policiais militares.

A briga ocorreu após a PM deter três alunos com maconha dentro de um carro, no campus.

Eles foram levados à delegacia e liberados em seguida. Os estudantes, no entanto, passaram a protestar pela saída da PM do campus.

Logo após os eventos, alunos da universidade fundaram o Fuma (Frente Uspiana de Mobilização Antiproibicionista), movimento que participa da organização da “semana do baseado”.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.