Eliminado no Carioca, Flamengo amarga prejuízo milionário

Flamengo

Como só voltará a atuar no dia 20 de maio, na estreia do Campeonato Brasileiro, o time da Gávea não arrecadará com bilheterias, prêmios por desempenho nos torneios e vê mais distante um possível acordo pelo patrocinador master, já que terá sua exposição reduzida na mídia.
Caso tivesse avançado à final da Taça Rio, o Flamengo garantiria no mínimo mais R$ 250 mil de premiação paga pela Ferj (Federação de Futebol do Rio de Janeiro), além de parte da receita da final do segundo turno. Na decisão da Taça Guanabara, Fluminense e Vasco levaram mais de R$ 200 mil livres de impostos com a bilheteria da decisão.

Em caso de vitória nas finais da Taça Rio e do Campeonato Carioca, contra o Fluminense, a fatia do bolo poderia ficar ainda mais gorda, com o Flamengo podendo chegar a R$ 2,5 milhões em prêmios e receitas do espetáculo.

A situação é ainda mais preocupante quando o gasto com o elenco é colocado na ponta do lápis. Por um mês praticamente sem partidas, apenas com treinamentos, o Flamengo gastará cerca de R$ 7,8 milhões com o salário de todos os jogadores e da comissão técnica, além de encargos trabalhistas, valor considerado excessivo e que tem tirado o sono de diretores do clube.

O acordo para um patrocinador master, que poderia amenizar os custos com o time ‘parado’, também parece longe de acontecer. As negociações com a montadora de automóveis sul-coreana Hyundai, que eram intermediados ela 9ine, empresa da qual Ronaldo é sócio, não avançaram.

O Flamengo também abandonou uma negociação com a Adidas para troca de fornecedora de material esportivo, irritando Assis, irmão e empresário de Ronaldinho Gaúcho. Com os salários atrasados, o jogador pode até deixar o Flamengo, que já foi cobrado formalmente por Assis.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.