Feriadão violento nas estradas do País

Feriado

O feriadão do Dia do Trabalho foi violento nas principais rodovias estaduais do País. De acordo com as operações regionais da Polícia Rodoviária Estadual, São Paulo foi o Estado que mais registrou mortes. Trinta e quatro pessoas morreram nas rodovias paulistas no feriado prolongado. Aproximadamente 38% das mortes ocorreram por colisão frontal e atropelamentos.

Ainda segundo o balanço paulista, 15% das mortes aconteceram por choques entre um veículo contra um obstáculo parado. Foram 1.215 acidentes com um total de 567 pessoas feridas; e 17.780 autuações por infrações de trânsito, sendo 1.925 por ultrapassagem em local proibido, 1.784 por falta do uso obrigatório do cinto de segurança e 285 autuações por embriaguez ao volante.

Rio de Janeiro: Feriadão teve 11 mortos nas estradas cariocas,

Minas Gerais foi o segundo Estado que mais registrou vítimas fatais. No total, 22 pessoas morreram em 393 acidentes e outras 235 ficaram feridas. O número de testes de bafômetro aplicados chegou a 1.752, sendo que 53 pessoas foram autuadas e 19 motoristas foram presos por dirigirem embriagados. A polícia acredita que o excesso de velocidade e a falta de atenção foram os principais causadores de acidentes.



Publicidade


Outras Notícias


Bienal Rubem Braga terá encontro nacional de literatura fantástica

Dia D de vacinação contra gripe em Cachoeiro é no sábado (12)

Inscrições no Enem já começaram

Inscrições para o Enem passam de 200 mil em uma hora e meia

São Pedro de Tarantásia, foi um homem pacificador

Diocese de Cachoeiro adota medidas para evitar contágio de gripes

Santa Casa lança campanha para incentivar mulheres a doar sangue

Estudantes são assaltadas na porta de faculdade em Cachoeiro

Homem é morto durante tentativa de assalto em Cachoeiro

Nasceu; e agora? Psicólogos explicam como lidar com a depressão pós-parto

Atenção, motoristas! IPVA de veículos com finais de placas de 6 a 0 começa a vencer

Prorrogado para 10 de maio prazo para renovar contratos do Fies

Campanha de vacinação em todo o país vai até 01 de junho

Conta de luz: Em maio bandeira tarifária mais cara

São Floriano, padroeiro dos bombeiros

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.