Carreta com 60 toneladas dificulta trânsito em Cachoeiro

Carretaa

Uma carreta Bitrem puxando mais de 60 toneladas de chapas de granito, não conseguiu subir a Avenida Bolívar de Abreu, no bairro Aquidabam, próximo ao colégio Inah Werneck, em Cachoeiro. O problema aconteceu na manhã desta sexta-feira (20). O veículo seguia do Rio de Janeiro para Soturno.

De acordo com o motorista André Coco, de 41 anos, ele não conhecia o local e só seguiu as informações que lhe foram passadas. Ao término do morro, o cavalo mecânico teria derrapado em areia na hora de fazer a curva para a esquerda, com isso a carreta perdeu força e não teve como seguir caminho, parando no meio da avenida.

Apesar do risco, alguns motoristas passaram pela contramão. O trânsito só foi normalizado uma hora depois. Com a ajuda de um amigo, um dos containers foi escorado com pedras e deixado no local. Logo em seguida outro veículo liberou o local.

Segundo os moradores, esta não foi à primeira vez que aconteceu. Um deles até recordou quando uma carreta acabou colidindo em um muro próximo. Sendo que a maior preocupação é com os alunos que passam diariamente pelo local.

A areia que impediu a passagem da carreta continua espalhada na pista.



Outras Notícias


Adolescente desaparecida em Castelo

Prefeito de Venda Nova nega irregularidade

Fundo Rural tem R$ 639 mil para investir no desenvolvimento

Atendimento municipal a portadores de deficiência auditiva é referência

Homem é preso e arma e munições são apreendidas na região serrana

Restaurantes apresentam pratos do Giro Gastronômico

Tratamento de infertilidade pelo SUS chega a Cachoeiro

Cachoeiro Stone Fair vai aquecer economia local

Drogas, armas e munições são apreendidas em Cachoeiro

Cursos de qualificação gratuitos têm vagas abertas

Aluno é detido em porta de escola em Venda Nova

Pedra Azul Gourmet vai movimentar Domingos Martins em setembro

Caminhoneiro morre carbonizado em grave acidente

Acidente na BR-101 deixa uma vítima fatal

Jovem é assassinado no bairro Zumbi

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.