Cachoeiro de Itapemirim ganha aeroporto regional

Aeroporto

No segundo semestre deste ano, a Secretaria de Estado dos Transportes e Obras Públicas (Setop) conclui os estudos de viabilidade técnica e o projeto executivo das obras que vão possibilitar a implantação do aeroporto regional, na cidade, com capacidade para atender a 500 mil passageiros, por ano.

O município de Cachoeiro de Itapemirim está prestes a ganhar um aeroporto regional para atender toda a Região Central Sul do Espírito Santo. No segundo semestre deste ano, a Secretaria de Estado dos Transportes e Obras Públicas (Setop) conclui os estudos de viabilidade técnica e o projeto executivo das obras que vão possibilitar a implantação do aeroporto regional, na cidade, com capacidade para atender a 500 mil passageiros, por ano.
“O Aeroporto Regional de Cachoeiro de Itapemirim é um dos quatro novos aeroportos regionais que o nosso Estado vai ganhar. O Governo do Espírito Santo vai receber aproximadamente R$ 200 milhões da União para implantar esses aeródromos, nos próximos anos. E quem sai ganhando é a população capixaba, que terá mais infraestrutura aeroviária, além de mais conforto e opção nos serviços”, afirma o secretário de Estado dos Transportes e Obras Públicas, Fábio Ney Damasceno.

A princípio, está sendo desenvolvido o estudo de viabilidade econômica do aeroporto regional de Cachoeiro de Itapemirim, junto com o projeto executivo da obra. Assim que essas etapas forem concluídas, o Estado poderá iniciar o processo de licitação da obra, após aprovação do projeto por parte do Governo Federal.

“Tudo será feito em parceria, respeitando o que está definido no ‘Programa de Investimentos em Logística: Aeroportos’, apresentado pela presidente Dilma Rousseff em dezembro do ano passado. Desse programa virão R$ 176,6 milhões para serem investidos nas obras e nos equipamentos dos aeroportos regionais de Cachoeiro de Itapemirim, Linhares, Colatina e São Mateus”, explica o secretário Damasceno.

O financiamento do “Programa de Investimentos em Logística: Aeroportos” será feito pelo Banco do Brasil, que ficará responsável pela gestão dos projetos e dos investimentos nos aeroportos regionais. O objetivo principal é incentivar a aviação regional, tanto que o Governo Federal também concederá isenção de tarifas aeroportuárias para terminais do interior com movimentação inferior a 1 milhão de passageiros por ano e subsídios para rotas entre cidades pequenas e médias.

Infraestrutura

Em dezembro de 2012, a Secretaria de Estado dos Transportes e Obras Públicas (Setop) contratou a empresa que está fazendo o plano de zona de proteção dos aeroportos, um mapa que identifica e delimita o espaço aéreo do entorno dos aeroportos do Espírito Santo, para um trânsito mais seguro das aeronaves. No mesmo mês o Estado contratou a empresa que já está desenvolvendo os estudos de viabilidade técnica e os projetos executivos dos quatro aeroportos regionais, no valor de R$ 5 milhões.

Ao todo, dez aeroportos do Espírito Santo serão contemplados dentro desse contrato. Além das mudanças previstas para os quatro regionais, serão feitos os estudos de viabilidade técnica e projetos executivos para outros três aeroportos, todos locais: Baixo Guandú, Guarapari e Região Serrana (a cidade será escolhida de acordo com o estudo de viabilidade); e mais três estudos de viabilidade dos aeroportos privados de Vila Velha, Nova Venécia e Aracruz.

A elaboração dos estudos e dos projetos de engenharia aeroviária contemplam serviços de terraplanagem, sinalização diurna e noturna, terminal de passageiros, seção contra incêndio e obras complementares. Os dez aeroportos beneficiados fazem parte do Programa Aeroportuário do Espírito Santo (Pares), que prevê uma série de ações e investimentos nesse setor, para os próximos anos, com o objetivo principal de promover o desenvolvimento logístico das regiões do Estado.

Orçamento 2014

Quer que a sua região continue recebendo os benefícios do Governo do Espírito Santo? Participe das audiências públicas para o Orçamento 2014.

A audiência pública é uma das formas de participação e de controle popular da administração estadual, com a finalidade de informar, discutir, tirar dúvidas e ouvir opiniões e demandas da população.

O Governo do Espírito Santo, por meio da Secretaria de Economia e Planejamento (SEP), deu início às audiências públicas no dia 3 de abril para o Orçamento de 2014.

O Governo realizará as audiências públicas até o dia 14 de maio. Nelas, o governador Renato Casagrande apresentará a prestação de contas das ações do Governo em 2012, o que está sendo feito em 2013 e ouvirá sugestões para 2014.

Com o resultado das audiências públicas será elaborada a Lei Orçamentária Anual (LOA), que é um instrumento de planejamento de curto prazo, compatível com Plano Plurianual (PPA), utilizado pela administração pública para demonstrar todos os recursos que serão arrecadados (receita), assim como todos os valores a serem gastos (despesas) num determinado exercício financeiro.

As audiências serão realizadas ainda nos municípios de Aracruz, Venda Nova do Imigrante, Santa Maria de Jetibá, Marataízes e Vitória, e envolverão todos os 78 municípios capixabas.

Interatividade

Além das audiências presenciais, o Governo do Estado lançou o site www.orcamento2014.es.gov.br para permitir que a população sugira propostas para melhorias da sua região. Os interessados podem enviar novas sugestões ou opinar sobre alguma que já tenha sido postada no site.

Para obterem informações atualizadas sobre o andamento das audiências públicas, os internautas encontram também as redes sociais do Orçamento 2014, o twitter (www.twitter.com/@OrcamentoES) e o Facebook (www.facebook.com.br/OrcamentoES).



Publicidade


Outras Notícias


Bienal Rubem Braga terá encontro nacional de literatura fantástica

Dia D de vacinação contra gripe em Cachoeiro é no sábado (12)

Inscrições no Enem já começaram

Inscrições para o Enem passam de 200 mil em uma hora e meia

São Pedro de Tarantásia, foi um homem pacificador

Diocese de Cachoeiro adota medidas para evitar contágio de gripes

Santa Casa lança campanha para incentivar mulheres a doar sangue

Estudantes são assaltadas na porta de faculdade em Cachoeiro

Homem é morto durante tentativa de assalto em Cachoeiro

Nasceu; e agora? Psicólogos explicam como lidar com a depressão pós-parto

Atenção, motoristas! IPVA de veículos com finais de placas de 6 a 0 começa a vencer

Prorrogado para 10 de maio prazo para renovar contratos do Fies

Campanha de vacinação em todo o país vai até 01 de junho

Conta de luz: Em maio bandeira tarifária mais cara

São Floriano, padroeiro dos bombeiros

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.