Peça com a atriz Adriana Birolli em cartaz em Cachoeiro, hoje

_birolli

Palco da peça “Parem de falar mal da rotina”, da atriz Elisa Lucinda, na última terça-feira (25), o Teatro Municipal Rubem Braga volta a receber uma atração nacional neste fim de semana. O espetáculo “Manual prático da mulher desesperada”, encenado por Adriana Birolli, será apresentado no sábado (29), às 21h.

Baseada na fusão de três contos da consagrada escritora e jornalista norte-americana Dorothy Parker, a peça narra de forma cômica o desespero de uma mulher solteira em uma noite de sábado. A peça rendeu a Adriana Birolli, que atua em novelas da Rede Globo, o Troféu Gralha Azul de melhor atriz, concedido pelo Governo do Estado do Paraná.

No início do espetáculo, rituais de beleza femininos praticados na tentativa de seduzir os homens são demonstrados. Máscara facial, depilação, cremes, prancha no cabelo e maquiagem são aplicados em cena por Alice (Adriana Birolli).

Através do texto e da interpretação dos atores, a direção conduz o espectador ao exame das situações e das contradições que a mulher emancipada vive ao pagar o preço de sua condição de ser livre. Para demonstrar essa concepção foram desenvolvidos figurinos que registram os estados de espírito da protagonista, cenários ilustrando as situações do texto nos mais variados ambientes, iluminação que recria a atmosfera peculiar dos contos de Dorothy Parker e vinhetas que são projetadas durante a peça contando o passado da heroína.

A peça faz parte do Circuito Teatral Palco Capixaba. Os ingressos estão à venda na bilheteria do teatro e custam a partir de R$ 20 (meia entrada).

Sinopse
Num sábado à noite, Alice aguarda o telefonema do namorado. O desespero por sentir-se sozinha enquanto não recebe a ligação a corrói, e para se distrair ela vai a um salão de beleza desabafar com o manicure Celinho (Alex Barg) e falar de seus problemas, especialmente com relação a homens.

Mais tarde, quando percebe que seu companheiro não vai ligar, Alice resolve ir para uma boate, onde conhece Everton (Alex Barg), um verdadeiro ogro que a convida para dançar de forma bizarra. De qualquer forma Alice prefere continuar essa noite totalmente esquecível com o homem que dança terrivelmente mal do que dar o braço a torcer e enfrentar sozinha seus demônios.

Ao final, após tanto ‘desespero’, Alice começa uma reflexão sobre suas atitudes, se todo seu esforço para esquecer o namorado está valendo a pena e se não seria melhor estar desacompanhada.

Mais imagems

Atrizes-adriana-birolli-9f91cd


Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.