Governo do ES leva mais infraestrutura urbana para o município de Vargem Alta

Jacigua_vargem_alta_praça_romero1_jpg

Os moradores do município de Vargem Alta, localizado na região Central Sul capixaba, receberam na tarde desse sábado (28) a visita do governador Renato Casagrande que inaugurou a obra de reforma da Praça Padre Olívio, localizada no Distrito de Jaciguá. Na ocasião, a prefeitura recebeu uma motoniveladora para fortalecer a agricultura da região.

A obra, que faz parte do Programa Bem Melhor, envolveu serviços de pavimentação, construção de meio fio, passeio, bancos de madeira, construção de mesa, banco de concreto, colocação de postes e grama. A obra beneficia mais de 19 mil moradores, oferecendo mais lazer, segurança e bem estar para a comunidade. O investimento foi de R$ 86.944,54.

O governador Renato Casagrande destacou o empenho e compromisso do Governo do Espírito Santo em oferecer o desenvolvimento para todos os municípios capixabas. “Nosso compromisso é que todas as regiões recebam oportunidades iguais e este trabalho está sendo conduzido por meio de uma gestão planejada, com responsabilidade e tendo como parceiros a Assembleia Legislativa, a bancada federal e as prefeituras”, destacou Casagrande.

O prefeito de Vargem Alta João Bosco agradeceu os investimentos na região e parabenizou o trabalho do Governo do Estado. “Quero agradecer em nome dos moradores de Vargem Alta e, em especial, da comunidade de Jaciguá, pela revitalização desta praça que tem um valor histórico e cultural para a região. Muito mais do que oferecer mais segurança e lazer, esta obra mexe com a emoção da comunidade, porque faz parte da história de sua construção”, pontuou Bosco.

Motoniveladora

A Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) entregou uma motoniveladora ao município. Foram investidos R$ 390 mil na aquisição da máquina que será usada pela prefeitura para a manutenção e recuperação de estradas rurais, facilitando o escoamento da produção e o deslocamento das pessoas que vivem nas comunidades do interior do município.

Microrregião Central Sul

Na microrregião Central Sul foram investidos mais de R$ 15,9 milhões só nos últimos dois anos, em obras de drenagem e pavimentação. As obras beneficiaram os municípios de Apiacá, Atílio Vivácqua, Cachoeiro de Itapemirim, Castelo, Jerônimo Monteiro, Mimoso do Sul, Muqui e Vargem Alta.

As intervenções fazem parte do Programa Rua Nova, que visa a execução de projetos de pavimentação, drenagem e recapeamento asfáltico de vias de circulação de pedestres e veículos, de forma a garantir maior mobilidade e, ao mesmo tempo, reduzir os efeitos das chuvas. Outras importantes intervenções estão em andamento na região, com investimento superior a R$ 6 milhões.

Bem Melhor

O Programa desenvolvido pela Sedurb visa à execução de projetos na área de melhorias urbanas como construção de áreas de lazer e reurbanização/revitalização de espaços públicos. Entre 2011 e 2013, o Bem Melhor já investiu cerca de R$ 38 milhões na realização de intervenções, que além de oferecer lazer também contribuem para a saúde dos moradores, a exemplo das intervenções realizadas na Praia do Morro, em Guarapari e a construção de Praça em São Domingos do Norte.



Publicidade


Outras Notícias


PREFEITURA DE CACHOEIRO E SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE AMPLIA EXAMES

Caminhoneiro sofre sequestro-relâmpago e tem caminhão roubado em Cachoeiro

Motorista morre afogado em Itapemirim

Jovem de 15 anos morre após perder o controle de motocicleta na curva de Boa Vista, em Marataízes.

Público não comparece ao Carnaval de Cachoeiro

São Martiniano - O jovem eremita

Caminhão e carro batem de frente e duas pessoas morrem na BR 101 em Atílio Vivácqua

Campanha coleta mais de 40 toneladas de lixo eletrônico em Cachoeiro

Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.