MPES prorroga investigação e contador da Câmara de Cachoeiro deixa presídio

Servidores_da_camara_de_cachoeiro_de_itapemirim_sa__beeafe690d

O Ministério Público Estadual (MPES) decidiu prorrogar as investigações sobre desvio de recursos público na Câmara de Vereadores de Cachoeiro de Itapemirim, região Sul do Estado.

Em nota, o MPES informou que a Promotoria de Justiça de Cachoeiro de Itapemirim aguarda o recebimento de documentação para que seja ajuizada denúncia sobre as investigações da Operação Parlamento Rosa.

No último sábado (26), o contador da Câmara, Hélio Grenchi Roza, deixou o presídio de Viana, mas está impedido de deixar o município.

A Operação

A Operação Parlamento Rosa foi deflagrada pelo MPES, no dia 17 deste mês. Ao todo, nove pessoas foram detidas, acusadas de desviar R$ 1,2 milhões dos cofres do Legislativo.

Após os depoimentos, a promotoria definiu que oitos acusados deverão cumprir medidas cautelares. O contador Hélio Grenchi Roza, apontado como chefe do esquema, teve a prisão temporária decretada, mas o prazo terminou no último sábado (26) e ele foi liberado.

As investigações partiram de uma suspeita de movimentação financeira apontada pela Caixa Econômica Federal (CEF) e foram levadas ao conhecimento do MPES, que colheu provas e indícios do envolvimento de servidores no esquema. Eles, segundo a denúncia, desviavam valores inicialmente destinados ao pagamento de dívidas de parcelamentos junto ao INSS e à Receita Federal.

Participaram da operação cerca de 50 Policiais Militares de Cachoeiro de Itapemirim e de Marataízes, em dez viaturas, além de agentes do Gaeco e de promotores de Justiça. Os acusados responderão pelos crimes de formação de quadrilha, falsificação de documento público, falsidade ideológica, peculato, corrupção passiva, além de outros crimes correlatos.

Fonte: Folha Vitória



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.