'Não intervir na Líbia seria trair quem somos', diz Obama

Obama-2011-28-03-size-598

Os Estados Unidos devem agir quando `seus interesses e valores` são ameaçados, declarou nesta segunda-feira o presidente Barack Obama para justificar a intervenção militar na Líbia. Em discurso na Universidade Nacional de Defesa, nos arredores de Washington, Obama anunciou que os Estados Unidos vão transferir a responsabilidade das operações no país africano à Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) na próxima quarta-feira.

O presidente dos EUA afirmou também que o governo cumpriu a `promessa` de limitar o papel dos EUA na operação. Ressaltou que não houve mobilização de tropas por terra e que a responsabilidade da missão será transferida aos seus aliados.

Defendendo veementemente a intervenção militar, ele acrescentou que os Estados Unidos agiram para evitar um massacre de civis em Bengasi, capital rebelde, o que “pesaria na consciência mundial”.

`Deixar de lado a responsabilidade dos Estados Unidos como um líder e – mais profundamente – nossas responsabilidades com outros seres humanos em tais circunstâncias teria sido trair quem nós somos`, disse Obama. `Algumas nações podem ser capazes de fazer vista grossa às atrocidades em outros países. Os Estados Unidos são diferentes. E, como presidente, eu me recusei a aguardar as imagens de túmulos e assassinatos em massa antes de agir`.

Contudo, Obama descartou um ataque direto a Kadafi, dizendo que derrubá-lo à força seria um erro que custaria caro.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.