Tarde sangrenta em Soturno

Carla_200_200 (1)

A tarde da última sexta-feira marcou o, outrora pacato, distrito cachoeirense de Soturno pela violência.

Houve tiros e morte. Dois jovens sofreram um atentado à bala, um deles faleceu a caminho do hospital.

Os disparos em plena luz do dia ocorreram perto de transeuntes, gerando pânico. A motivação do crime era desconhecida.

As vítimas estavam em uma motocicleta Honda CG Titan 150, de cor azul, quando foram alvejadas, em várias partes do corpo.

Trata-se de Juliano Raveira, 19, que faleceu, e Orlan Ramos, 18, moradores locais. A dupla trafegava pela localidade de Santo Antônio.

Segundo o padrasto de Orlan, momentos antes do atentado, a vítima estava trabalhando na roça com ele, em Canudal. O rapaz lhe pedira R$ 50,00, mudou de roupa e se dirigiu à sede do distrito conduzindo a sua motocicleta. Logo depois, o padrasto recebera a notícia que ele havia sido baleado.

Atingidos, Orlan e Juliano caíram no meio da rua. E, sob sol forte, aguardaram o socorro, agonizando. Populares utilizaram sombrinhas para tentar aplacar o calor até a chegada da equipe de resgate do Corpo de Bombeiros. Mas, no caminho, Juliano não resistiu aos ferimentos. Chegou morto ao hospital. A informação no final da tarde de ontem era que Orlan continuava internado.

Vingança

Indignado, um dos irmãos de Juliano foi à residência de um dos suspeitos e atirou contra o imóvel. O disparo, por pouco, não atingiu o pai do rapaz.

A Polícia Militar realizou buscas em matagais de Soturno à procura dos atiradores. A suspeita é de que uma dupla está envolvida no crime. A delegacia de homicídios de Cachoeiro deu início às investigações.

Fonte: O Fato



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.