CASO PARAJARA: Dalva é condenada a 15 anos de cadeia, mas fica em liberdade

Parajara 1

Um final que ainda não agradou nem a família Parajara, nem a principal acusada de ser a mandante do assassinato do empresário cachoeirense, Marcos Sandemberg Parajara, morto com um tiro no peito em fevereiro de 1999.

Depois de uma ‘batalha’ entre acusação e defesa, três dias depois saiu a decisão do júri. Dalva Helena Nascimento foi considerada culpada pelo júri pela acusação de ter mandado matar seu cunhado, irmão de seu ex-marido a 17 anos de prisão, em regime fechado. No entanto, a ré não ficará presa, pois tem direito a recorrer da decisão em liberdade.

Já Alessandro Garcia foi condenado a 15 anos de prisão por ter efetuado o disparo que matou o empresário. No caso dele, como estava preso por outros processos, o réu saiu da sala do júri algemado direto para a cadeia.

Segundo informações, os familiares de Marcos Parajara, que foram à sala do júri com camisetas com fotos do empresário, cartazes e panfletos pedindo Justiça, saíram fórum insatisfeitos. Eles esperavam uma pena maior.

O julgamento teve início na quinta-feira, às 9 horas. Durou o dia inteiro e seguiu até às 4 horas de sexta, quando o juiz Marco Aurélio Soares Pereira concedeu cinco horas de intervalo para descanso. Os trabalhos reiniciaram às 9 horas de sexta e só terminaram às 21h00 horas de ontem.

Ao todo, foram ouvidas 10 testemunhas, além de Dalva e Alessandro os últimos a depor. Só o interrogatório dos dois durou mais de 7 horas. Os debates entre os advogados de defesa varou a madrugada, terminando somente na manhã de hoje.

Rapidamente Dalva falou com a reportagem sobre a condenação. Ela disse que ficou mais de 50 horas acordada, mas sente-se aliviada, pois foi condenada a 15 anos, mas a pena caiu para 13 e ela vai responder o crime em liberdade. Disse também que o advogado dela, Pedro Paulo Volpine deve solicitar outro julgamento, pois um documento teria sido falsificado vindo a prejudica-la.

Fonte: Folha do ES

Mais imagems

Parajara 2


Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.