Chuva forte permanece no ES e Defesa Civil está em estado de alerta

Enchentejaneiro

A Defesa Civil Estadual está de prontidão para o atendimento de situações de emergência relacionadas às chuvas que atingem o Estado. De acordo com o Incaper, a Grande Vitória registrou um volume de chuva de 98,81 mm durante a madrugada desta quinta-feira (12). Ao todo, 14 municípios foram atingidos com o temporal, entre eles, Anchieta, Atílio Vivácqua, Bom Jesus do Norte, Cachoeiro de Itapemirim,
Castelo Colatina, Divino de São Lourenço, Iconha, Itaguaçu, Itapemirim, Marechal Floriano, Nova Venécia, Rio Novo do Sul, Santa Leopoldina e Santa Maria de Jetibá. Como consequências das chuvas, 111 pessoas ficaram desalojadas.

Ainda há previsão de chuva forte para os municípios das regiões Norte, Noroeste e Nordeste do Estado. O município mais atingido até o momento é Bom Jesus do Norte, tendo o registro de que o Rio Itabapoana está com 2,10 metros acima do nível normal, com aproximadamente 100 pessoas desalojadas. Em Cachoeiro de Itapemirim houve alagamentos em diversos pontos do município, onde três casas foram atingidas, mas sem registro de vítimas ou desalojados.

Em Rio Novo do Sul, houve um deslizamento de terra, três casas foram atingidas e duas localidades foram isoladas. Oito pessoas estão desalojadas e foram encaminhadas a casas de parentes ou abrigos da Prefeitura. Em Vila Velha parte de uma casa desabou. Até o momento, três pessoas estão desalojadas. Há registros de que 111 pessoas estão desalojadas e 32 edificações foram danificadas.

No decorrer desta quinta-feira (12) ainda existem possibilidades de pancadas de chuva moderada ou forte em todo o Estado. A previsão é que as chuvas podem vir acompanhadas de rajadas de vento e descargas elétricas. Até o fim da semana a chuva deve persistir, mas perdendo força.

“Ainda assim, a chuva fraca e contínua pode causar transtornos em determinados pontos, visto o grande volume de precipitação registrado nas últimas horas nestas regiões.
Em caso de situação de perigo iminente, recomenda-se entrar em contato com os órgãos de Defesa Civil, para que tomem as medidas adequadas, visando minimizar os impactos causados por essas condições meteorológicas adversas”, alerta o coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Carlos Marcelo Disep Costa.

Atualmente, 46 municípios capixabas contam com áreas de risco mapeadas e a Defesa Civil Estadual realizou a capacitação de agentes municipais. Para isso, foram feitos cursos de Defesa Civil, Análise de Risco, Administração de Abrigos Temporários, Sistema de Comando em Operações, Plano de Contingência, Simulado em Desastre, totalizando 488 participantes, além de encontros com coordenadores municipais de todo o Estado.

Orientações

• Fique atento a movimentações de terra. Trincas no chão, inclinação de cercas, postes e árvores podem indicar o início de um deslizamento. Se houver muita infiltração na casa e acontecer rachaduras nas paredes ou escutar algum barulho estranho, abandone imediatamente sua casa e procure um local seguro;

• Evite as áreas alagadas. Terrenos acidentados, buracos e bueiros abertos, assim como fiação elétrica exposta, podem causar acidentes graves;

• Se a sua residência foi destruída durante a enchente, não retorne a construir no mesmo lugar, porque cedo ou tarde ocorrerá um novo desastre; Ao término da enchente, busque orientação da Defesa Civil sobre o retorno para sua residência. É necessário limpar os locais atingidos por água e lama.

Serviço:
Corpo de Bombeiros – 193
Defesa Civil Estadual – 3137-4440
elefones das defesas civis municipais: http://www.defesacivil.es.gov.br/conteudo/telefones/default.aspx



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.