Governador decreta situação de emergência no ES

Chuvasnoes romero (4)_jpg

Devido aos prejuízos causados pelas fortes chuvas que atingem o Espírito Santo desde o início desta semana, o governador Renato Casagrande anunciou que decretará situação estadual de emergência, na manhã deste sábado (21), durante reunião com o ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira, o subchefe de Articulação da Casa Civil Luiz Antônio Padilha, o secretário nacional de Defesa Civil, general Adriano Pereira Júnior, o vice-governador Givaldo Vieira e a equipe da administração estadual.

A visita da comitiva do Governo Federal tem o objetivo de integrar o trabalho de socorro e assistência humanitária ao que já está sendo realizado pelo Estado Capixaba, a fim de salvar vidas.

“Decidimos decretar situação de emergência em todo o Estado devido ao agravamento da situação, já que 50 municípios foram afetados pelas fortes chuvas, inclusive a Região Central do Espírito Santo. O decreto estadual não impede que os municípios façam os seus decretos, mas facilita o trabalho integrado entre os governos Federal e do Estado. A prioridade ainda é preservar vidas, mas temos muitos estragos em rodovias federais e estaduais, além das vias municipais e, por isso, precisamos de todo o apoio para levar suprimentos, materiais de limpeza, colchões, enfim, para todo o trabalho de ajuda humanitária e acolhimento das famílias, para reduzir o sofrimento da nossa população”, destacou o governador.

A ação conjunta irá facilitar o repasse de recursos federais no auxílio às vítimas das enchentes e, posteriormente, na recuperação de equipamentos públicos e estruturação das cidades afetadas, conforme explica o subchefe de Articulação da Casa Civil Luiz Antônio Padilha. “A presidenta Dilma Roussef nos determinou a visita ao Espírito Santo e se solidariza com o povo capixaba nesse momento. Vamos prestar toda ajuda necessária ao Estado e aos municípios capixabas”, disse o ministro.

Técnicos

“Nossos técnicos da área de engenharia permanecerão no Espírito Santo para realizar diagnósticos de áreas de risco e auxiliar o trabalho da Defesa Civil Estadual. Um helicóptero da Força Aérea está no Estado e enviaremos mais um para prestar apoio no transporte de carga e pessoas, bem como cinco caminhões 4×4 do Exército que terão mais acesso às áreas alagadas. O repasse de kits dormitórios, kits limpeza e cestas básicas também será feito. Vamos fornecer toda ajuda necessário ao Espírito Santo com o objetivo inicial de salvar vidas”, ressalta o ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira.

Mais de 50 municípios capixabas foram atingidos pelos temporais. Conforme previsto pelo Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), as chuvas se intensificaram na Região Serrana aumentando para cinco o número de vítimas fatais no Estado. Na madrugada deste sábado (21) uma mulher morreu em Itaguaçu e um homem também foi vítima de soterramento provocado por deslizamento de terra em Parajú. As outras 3 vítimas são dos municípios de Colatina, Nova Venécia e Baixo Guandu.

“Toda região sofre com inundações. Há cidades e localidade isoladas, subindo para 20.902 o numero de pessoas que precisaram deixar suas casas, sendo 3.535 desabrigados e 17.367 desalojados. O levantamento de pessoas afetadas pelas chuvas em praticamente todo estado continua prejudicado pela dificuldade de acesso as áreas afetadas”, explica o coordenador da Defesa Civil Estadual, coronel Carlos Marcelo D’Isep.

A Secretaria Nacional de Defesa Civil mantêm alertas de Risco Muito Alto de inundação e deslizamento de terra na região Serrana. Ao todo, 43 municípios são afetados pelas chuvas, sendo Santa Leopoldina, Santa Tereza, Venda Nova do Imigrante, Cariacica, Viana, Vila Velha, Serra, Vitória, Afonso Claudio, Itaguaçu, Conceição do Castelo, Itarana, Muniz Freire, Santa Leopoldina, Santa Maria de Jetibá, Castelo, Laranja da Terra, Vargem Alta, Agua Doce do Norte, Águia Branca, Alto Rio Novo, Aracruz, Baixo Guandu, Barra de São Francisco, Colatina, Conceição da Barra, Fundão, João Neiva, Linhares, Ibiraçu, Mantenópolis, Nova Venécia, Pancas, Rio Bananal, São Domingos do Norte, São Mateus, Vila Pavão, Vila Valério, Bom Jesus do Norte, Cachoeiro de Itapemirim, Guarapari, Ibatiba e Jeronimo Monteiro.

Dos municípios afetados, 22 municípios estão elaborando documentação para decretar situação de emergência ou estado de calamidade pública) devido as fortes chuvas, sendo: Agua Doce do Norte, Rio Bananal, Castelo, Bom Jesus do Norte, Vargem Alta, Cachoeiro de Itapemirim, Ecoporanga, Mimoso do Sul, Laranja da Terra, São Domingos do Norte, Viana, Conceição do Castelo, Águia Branca, Alto Rio Novo, Barra de São Francisco, Nova Venécia, Ibatiba, São Gabriel da Palha, Pancas, Vila Pavão, Linhares e Mantenópolis.

Ajuda Humanitária

Quem quiser contribuir com doações às vítimas das chuvas no Espírito Santo, pode procurar as unidades operacionais da Polícia Militar, sendo o 1º Batalhão em Maruípe, Vitória; 2º Batalhão no bairro Iolanda, Nova Venécia; 4º Batalhão, no Ibes, em Vila Velha; 11º Batalhão, Centro de Barra de São Francisco, 12º Batalhão, em Linhares e Escola Estadual de Ensino Fundamenta e Médio (EEEFM) Honório Fraga, em São Silvano, Colatina. A prioridade nesse momento é a arrecadação de água potável e alimentos (cesta básica).

Atendimento de emergência

A Defesa Civil Estadual mantém o auxilio aos órgãos municipais de proteção e defesa civil. A população pode acessar o site da Defesa Civil Estadual (www.defesacivil.es.gov.br) para obter os contatos das defesas civis municipais. A solicitação para atendimento também pode ser feita diretamente pelo Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes), no número 193.

Serviço:
Corpo de Bombeiros – 193
Defesa Civil Estadual – 3137-4440
Telefones das defesas civis municipais: http://www.defesacivil.es.gov.br/conteudo/telefones/default.aspx

Locais para recebimento de doações (cesta básica e água potável)

1º Batalhão
Endereço: Av. Maruípe, 2115
Bairro: Maruípe
Cidade: Vitória
Telefone: (27) 3636-7306

2º Batalhão
Endereço: Av. Guanabara, 40
Bairro: Bairro Iolanda
Cidade: Nova Venécia
Telefone: (27) 3752-4200

4º Batalhão
Endereço: Av. Nossa Senhora da Penha, 118
Bairro: Ibes
Cidade: Vila Velha
Telefone: (27) 3636-0400

11º Batalhão
Endereço: Rua Vereador Antônio Roas Huebra, 293
Bairro: Centro
Cidade: Barra de São Francisco
Telefone: (27) 3756-8400

12º Batalhão
Endereço: Rua Washington Luiz , 599
Bairro: Jose Rodrigues Maciel
Cidade: Linhares
Telefone: (27) 3372-7853

Escola Estadual de Ensino Fundamenta e Médio (EEEFM) Honório Fraga
Endereço: Avenida Silvio Avidos, 684
Bairro: São Silvano
Cidade: Colatina
Telefone: (027) 2722 3247



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.