Número de mortos por causa das chuvas chega a 21 no Espírito Santo

Santa_leopoldina_e_marechal_floriano_continuam_em___60e8f32f6e

Por volta das 19 horas, desta quarta-feira (25), a Defesa Civil Estadual confirmou mais três mortes em decorrência das chuvas no Espírito Santo.

O município com maior número de vítimas é Itaguaçú, onde oito pessoas morreram. Em Colatina já foram registradas seis mortes. Em Baixo Guandu, o número de vítimas chegou a quatro. Domingos Martins, Barra de São Francisco e Nova Venécia registrara uma morte, respectivamente.

Em algumas cidades, pessoas que estavam desalojados, estão retornando para sua casas. O levantamento das pessoas afetadas continua prejudicado pela dificuldade de acesso a muitas localidades. Muitos municípios continuam totalmente isolados pela intensa inundação, sem comunicação, água potável e energia elétrica. O número de pessoas que ainda estão em abrigos ou casas de parentes e amigos em decorrência das chuvas é de 48.601. Destas, 4.565 pessoas foram acolhidas em abrigos.

O número de municípios mais afetados pelas chuvas já chega a 50. Entre eles estão: Afonso Claudio, Água Doce do Norte, Águia Branca, Alto Rio Novo, Aracruz, Baixo Guandu, Barra de São Francisco, Bom Jesus do Norte, Brejetuba, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Castelo, Colatina, Conceição da Barra, Conceição do Castelo, Domingos Martins, Ecoporanga, Fundão, Governador Lindemberg, Guarapari, Ibatiba, Ibiraçu, Itaguaçu, Itarana, Jeronimo Monteiro, João Neiva, Laranja da Terra, Linhares, Mantenópolis, Marechal Floriano, Muniz Freire, Nova Venécia, Pancas, Rio Bananal, Santa Leopoldina, Santa Maria de Jetibá, Santa Teresa, São Domingos do Norte, São Gabriel da Palha, São Mateus, São Roque do Canaã, Serra, Vargem Alta, Venda Nova do Imigrante, Viana, Vila Pavão, Vila Valério, Vila Velha e Vitória.

A Secretaria Nacional de Defesa Civil continua enviando alertas de risco de inundação e deslizamento de terra nas regiões com mais chuvas. Os coordenadores de Defesa Civil dos municípios foram informados acerca dos procedimentos de avaliação contínua dessas áreas e, caso necessário, evacuação emergencial.

O governo decretou Situação de Emergência em todas as áreas afetadas por desastres decorrentes das últimas chuvas.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.