Menino morre após comer cachorro-quente

Jefte_200_200

Um garoto de 8 anos de idade morreu na tarde de quinta-feira, em Atílio Vivácqua, dois dias depois de começar a passar mal após comer um cachorro-quente na praça central de Guaçuí, na Região do Caparaó. A família desconfia de intoxicação alimentar.

Jefte Melo da Silva passava o réveillon na casa da avó com demais parentes. Segundo o pai da vítima, o classificador de rochas ornamentais Gilcimar da Silva, 37, Jefte quis ir à praça para comemorar a passagem de ano.

“Ele brincava com as outras crianças, mas, logo depois de comer o cachorro-quente, começou a passar mal”, relatou.

Gilcimar conta que, no dia seguinte, o filho disse que estava se sentido melhor. A família retornou a Atílio Vivácqua, onde reside. E, na manhã de quinta-feira, o garoto amanhecera com sonolência.

“Nós saímos para trabalhar, mas deixamos Jefter sob o cuidado da minha filha. Na hora do almoço, liguei e ela disse que ele não queria comer, estava se sentindo mal novamente. Então, fui correndo para casa”.

Da residência, o pai levou o filho de carro ao hospital local. Porém, no meio do caminho, a criança vomitou e desmaiou. Para piorar, um trator fazia limpeza da rua e atrapalhou a passagem do veículo.

De acordo com o enfermeiro Leandro Verli Gava, a vítima chegou à unidade por volta das 15h30 sem os sinais vitais. A equipe médica fez todos os procedimentos necessários para reanimá-lo, sem êxito.

O médico preferiu não atestar o óbito, pois não soube dizer qual a causa da morte.

Por isso, corpo foi encaminhado ao IML de Vitória.

O pai prestou depoimento na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na capital.

Fonte: O Fato



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.