VestUfes 2014: confira as dicas para a prova discursiva de Língua Portuguesa e Redação

Vestibular

Quem passou na primeira fase do VestUfes 2014 sabe que o que vem por aí é “pauleira”. Afinal, quem vai disputar a segunda fase, no mínimo, deve ter estudado muito para obter essa conquista. Para orientar os alunos da rede nas provas discursiva de Língua Portuguesa e Redação, a professora Maria Carolina Baikt, atuante na Escola Estadual José Damasceno Filho, localizada no município de Baixo Guandu, dá algumas dicas que poderão ser valiosas para os estudantes na hora das avaliações.

De acordo com a professora, para a segunda fase, na prova discursiva de Língua Portuguesa os candidatos devem esperar questões de maior dificuldade em relação à prova anterior. Além da interpretação textual, assuntos como verbos, conjunções e questões relacionadas à variação linguística também poderão aparecer, cobrando do aluno não apenas os conceitos, mas a aplicação das estruturas gramaticais em leituras e em reescritas de períodos.

“O ideal é responder às questões mais fáceis primeiro e deixar as difíceis para o final. Atenção com a legibilidade e a organização das ideias nas respostas é primordial”, enfatizou a educadora.

Já para a prova de Redação, a educadora recomenda que os alunos estejam bem atualizados sobre assuntos do cotidiano, a exemplo de tecnologia, manifestações, dentre outras temáticas que ganharam destaque no decorrer do ano de 2013. Para isso, é interessante que os estudantes leiam jornais, revistas, assistam telejornais ou filmes contextualizados.

Outro ponto importante, segundo a educadora, é ter muito cuidado com a grafia das letras e a ortografia. Pequenos erros, porém, em excesso, aliados à escrita difícil de ser compreendida podem prejudicar os alunos nas provas.

“Além de caprichar na letra, o candidato deve treinar a capacidade de síntese e coesão todos os dias com ajuda da Redação. A correção restringe-se a cada palavra que compõe o texto, que deve ser feito dentro do espaço destinado à resposta e nenhuma linha a mais”, frisou Maria Carolina.

Para finalizar, a professora faz um alerta ao dizer que agora o momento é para relaxar a mente e se ocupar com atividades recreativas. “A maior das vantagens está em diminuir a tensão do candidato, que é o maior responsável pelo “branco” na hora de responder às questões. Fazer um exercício de respiração e ter uma boa noite de sono são técnicas que ajudam os candidatos a estarem emocionalmente preparados para fazer as provas”, finalizou.

As provas da 2ª etapa da Ufes serão realizadas nos dias 19, 20 e 21 de janeiro, das 14 às 17 horas, horário oficial de Brasília. Um total de 12.870 aprovados continua na disputa pelas 4.266 vagas ofertadas em 79 cursos de graduação superior oferecidos pela instituição federal de ensino.

A previsão é que o resultado final com o nome dos candidatos aprovados na 2ª etapa seja divulgado no dia 08 de março.



Publicidade


Outras Notícias


Espírito Santo enfrenta desafio de vencer transmissão vertical do HIV, da hepatite B e da sífilis

Leptospirose é doença grave e transmitida por água contaminada de enchentes

Publicado decreto que autoriza uso do FGTS para compra de próteses

Saiba mais sobre as vacinas contra a gripe disponíveis no Brasil

Santo Apolônio, seu amor a Deus foi concreto

Inscrições para Cachoeirense Ausente de 2018 abrem nesta sexta (23)

Desfile e mostra cultural festejam emancipação de Cachoeiro

“A defesa da água é a defesa da vida”, afirma Papa

São Zacarias, Papa

Mais de cinco mil assinaturas reivindicam asfalto em comunidades de Alegre

São Nicolau de Flue, eremita

Prefeitura de Cachoeiro tenta disciplinar trânsito em cruzamento

Pai é preso suspeito de estuprar a filha de 11 anos em Marataízes

PM encontra pé de maconha dentro de casa em Cachoeiro

Torta Capixaba Orgulho da Nossa Gastronomia

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.