Após ameaçar processar deputado por homofobia Preta Gil vira Diva Madrinha da Parada Gay

Pretagil-rodrigodosanjos-agnews-materia

Preta Gil ganha cada vez mais destaque como personalidade na luta pelos direitos dos homossexuais.

A cantora será nomeada a primeira Diva Madrinha da Parada Gay de São Paulo e do Gay Day Experience, o evento beneficente da Parada, de acordo com o jornal O Dia, desta quarta-feira (30).

Preta recebe o tí­tulo na noite de hoje.

Ainda este ano, a ONU (Organização das Nações Unidas) instituiu que 2011 será o Ano Internacional dos Afrodescendentes. Preta Gil, também engajada na luta contra a discriminação racial, foi nomeada a representante.

Nesta terça-feira (29), ela prometeu processar o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) que deu declarações polémicas de racismo e homofobia no programa CQC (Band), no dia anterior.



Publicidade


Outras Notícias


Cachoeiro se prepara para receber mais uma edição da Stone Fair

Bienal Rubem Braga terá encontro nacional de literatura fantástica

Dia D de vacinação contra gripe em Cachoeiro é no sábado (12)

Inscrições no Enem já começaram

Inscrições para o Enem passam de 200 mil em uma hora e meia

São Pedro de Tarantásia, foi um homem pacificador

Diocese de Cachoeiro adota medidas para evitar contágio de gripes

Santa Casa lança campanha para incentivar mulheres a doar sangue

Estudantes são assaltadas na porta de faculdade em Cachoeiro

Homem é morto durante tentativa de assalto em Cachoeiro

Nasceu; e agora? Psicólogos explicam como lidar com a depressão pós-parto

Atenção, motoristas! IPVA de veículos com finais de placas de 6 a 0 começa a vencer

Prorrogado para 10 de maio prazo para renovar contratos do Fies

Campanha de vacinação em todo o país vai até 01 de junho

Conta de luz: Em maio bandeira tarifária mais cara

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.