Criança toma soro em pé no hospital de Águas Lindas, em Goiás

Soro

A precariedade realmente não poupa ninguém. No Hospital de Águas Lindas, a criança toma soro em pé. São quase nove horas na fila de espera até chegar à sala do médico.
O mal atendimento vale também paras as consultas. Como o médico não fecha a porta, registramos: em menos de dois minutos, ele dá uma rápida espiada na garganta da paciente e, sem tocá-la, receita uma injeção de antibiótico.
É um único médico para consultar e socorrer pacientes de um hospital inteiro. Quando outro doutor aparece…
Em Santo Antonio do Descoberto, a grandeza do desperdício está lado a lado com a falta de tudo no pequeno hospital. “Não tem como fazer cirurgia aqui. A mão dele estourou e tem que ir para Taguatinga. Estamos indo embora que ele está cheio de dor. Aqui não tem raio-x, aqui não tem nada”, declara o pedreiro Rogério Carvalho.
Pacientes enfaixados são logo despachados, com frequência mais de um na ambulância. As transferências no entorno de Brasília entram pela madrugada. “Já são uma, duas, três, quatro, cinco viagens. Cada vez que a gente vem, vêm seis ou oito pessoas”, diz um dos motoristas da ambulância.



Publicidade


Outras Notícias


Bienal Rubem Braga terá encontro nacional de literatura fantástica

Dia D de vacinação contra gripe em Cachoeiro é no sábado (12)

Inscrições no Enem já começaram

Inscrições para o Enem passam de 200 mil em uma hora e meia

São Pedro de Tarantásia, foi um homem pacificador

Diocese de Cachoeiro adota medidas para evitar contágio de gripes

Santa Casa lança campanha para incentivar mulheres a doar sangue

Estudantes são assaltadas na porta de faculdade em Cachoeiro

Homem é morto durante tentativa de assalto em Cachoeiro

Nasceu; e agora? Psicólogos explicam como lidar com a depressão pós-parto

Atenção, motoristas! IPVA de veículos com finais de placas de 6 a 0 começa a vencer

Prorrogado para 10 de maio prazo para renovar contratos do Fies

Campanha de vacinação em todo o país vai até 01 de junho

Conta de luz: Em maio bandeira tarifária mais cara

São Floriano, padroeiro dos bombeiros

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.