Mega operação buscará vítimas de tremor no litoral japonês

Megaoperacao-japao-20110401-01-size-598

Há exatamente três semanas, o nordeste do Japão era arrasado por um violento terremoto. E o impacto brutal dessa tragédia voltará a ser vivido nesta sexta-feira, com o começo de uma operação duríssima para as equipes de resgate. Mais de 24.000 soldados japoneses e americanos deverão explorar todas as regiões atingidas pelo tremor e pelo tsunami, com a missão de encontrar e recolher todos os corpos de vítimas. No total, a catástrofe deixou 28.000 mortos e desaparecidos.

O plano, quase uma operação de guerra, contará com buscas aéreas e marítimas na costa nordeste do Japão. A busca dos corpos envolve 120 aviões e helicópteros, além de 65 navios ao longo do devastado litoral. Serão três dias de trabalho, com uma só exceção: as buscas não deverão incluir o perímetro de 30 quilômetros ao redor da usina nuclear de Fukushima, onde o nível de radiação é perigoso. Quase mil corpos estão dentro da área de segurança e, por enquanto, ficarão ali.



Publicidade


Outras Notícias


Bienal Rubem Braga terá encontro nacional de literatura fantástica

Dia D de vacinação contra gripe em Cachoeiro é no sábado (12)

Inscrições no Enem já começaram

Inscrições para o Enem passam de 200 mil em uma hora e meia

São Pedro de Tarantásia, foi um homem pacificador

Diocese de Cachoeiro adota medidas para evitar contágio de gripes

Santa Casa lança campanha para incentivar mulheres a doar sangue

Estudantes são assaltadas na porta de faculdade em Cachoeiro

Homem é morto durante tentativa de assalto em Cachoeiro

Nasceu; e agora? Psicólogos explicam como lidar com a depressão pós-parto

Atenção, motoristas! IPVA de veículos com finais de placas de 6 a 0 começa a vencer

Prorrogado para 10 de maio prazo para renovar contratos do Fies

Campanha de vacinação em todo o país vai até 01 de junho

Conta de luz: Em maio bandeira tarifária mais cara

São Floriano, padroeiro dos bombeiros

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.