Procon faz fiscalização e dá dicas para compras da Semana Santa

C0410_pascoa

Nestes dias que antecedem a Semana Santa, o Procon de Cachoeiro de Itapemirim, órgão ligado à prefeitura, intensificou a fiscalização em supermercados do município. O objetivo é coibir irregularidades como a venda de produtos vencidos, além de verificar se as formas de precificação e pagamento respeitam os direitos do consumidor.
De acordo com o coordenador executivo do Procon, Rogério Athayde, as condições de pagamento devem ser apresentadas de maneira clara e precisa. “Devem ser informados o preço à vista, número e valor de cada parcela, juros cobrados e valor total financiado, não podendo existir variação de preços entre cartões de crédito e débito e cheques, quando pagos em uma vez”, orienta. “A nota fiscal sempre deve ser exigida no ato da compra, para facilitar a troca, caso necessário, e coibir a sonegação do imposto por parte do comerciante”, complementa.

A atenção deve ser redobrada na compra dos ovos de Páscoa para as crianças. Verifique na embalagem se os pesos líquidos do produto e do brinde estão discriminados. “Caso essas regras não sejam cumpridas, os pais podem trocar o produto e, ainda, denunciar o comerciante e o fabricante ao Procon”, recomenda Athayde.

À exceção dos ovos que vêm com brinquedos surpresa, o estabelecimento deve apresentar um mostruário dos brindes. Esses produtos devem, obrigatoriamente, apresentar o selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e a indicação da faixa etária.

Os peixes e frutos do mar têm que estar conservados em gelo. Observe se os olhos dos peixes estão brilhantes e as escamas bem presas ao corpo, são sinais de que estão bons para consumo. A higiene e o armazenamento também têm que ser verificados. Quanto ao bacalhau, procure conhecer a procedência. Não compre o peixe se estiver com manchas avermelhadas ou pintas pretas no dorso, que indicam a presença de bolor ou deterioração.

Pesquisar os preços é sempre importante. “O mercado de produtos para a Páscoa é bem diversificado. Cada fabricante oferece itens específicos com qualidade, sabor, tamanho, peso e numeração diferentes. Isso não deve desestimular a consulta e a comparação de preços. Uma boa pesquisa pode levar a uma compra mais acertada e garantir economia”, aconselha Athayde.

O Procon de Cachoeiro é vinculado à Secretaria Municipal de Gestão Estratégica. A sede do órgão fica na avenida Monte Castelo, nº 28, bairro Independência. O atendimento é feito das 7h às 13h. Telefone: 3155-5262.



Publicidade


Outras Notícias


Cachoeiro se prepara para receber mais uma edição da Stone Fair

Bienal Rubem Braga terá encontro nacional de literatura fantástica

Dia D de vacinação contra gripe em Cachoeiro é no sábado (12)

Inscrições no Enem já começaram

Inscrições para o Enem passam de 200 mil em uma hora e meia

São Pedro de Tarantásia, foi um homem pacificador

Diocese de Cachoeiro adota medidas para evitar contágio de gripes

Santa Casa lança campanha para incentivar mulheres a doar sangue

Estudantes são assaltadas na porta de faculdade em Cachoeiro

Homem é morto durante tentativa de assalto em Cachoeiro

Nasceu; e agora? Psicólogos explicam como lidar com a depressão pós-parto

Atenção, motoristas! IPVA de veículos com finais de placas de 6 a 0 começa a vencer

Prorrogado para 10 de maio prazo para renovar contratos do Fies

Campanha de vacinação em todo o país vai até 01 de junho

Conta de luz: Em maio bandeira tarifária mais cara

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.