Professora mata gatos em sala de aula

Gato_200_200

O que seria apenas mais um sábado de aula no campus do Ifes de Piúma se transformou numa tarde de crueldade contra quatro gatinhos recém-nascidos. Os animais foram estrangulados, em plena sala de aula, por uma professora de Biologia da instituição educacional.

A denúncia partiu de uma mãe de aluna, que se diz indignada com a postura da educadora, Sonia Wenceslau Flores Rodrigues, diante de incrédulos estudantes e de uma professora de Sociologia.

Alunos que levaram os quatro gatinhos recém-nascidos, filhotes de uma gata que morreu ao parir. A intenção era de entregá-los à professora de Sociologia, que já fez esse “gesto de compaixão” outras vezes.

Presenciando a cena, Sônia Wenceslau se dirigiu aos alunos e disse que “resolveria” o caso: estrangulou os animais na frente dos atônitos estudantes e da professora, que chorou.

Os alunos enterram os corpos no campus do Ifes e, revoltados, postaram na internet cartazes denunciado o caso.

Piedade

Com currículo invejável, a professora de Biologia comanda departamento na instituição. Tem doutorado e mestrado nas áreas ambiental e biológica. Por telefone, ontem à tarde, na sala da direção, confirmou o estrangulamento à reportagem.

Alegou que “os filhotes não resistiriam, pois tinham perdido a mãe”. Confessou que os estrangulou “como uma forma de eutanásia”, ou, como enfatizou, “por piedade”. Disse que o caso “é complexo” e que daria versão mais detalhada sobre o episódio.

Integrantes da Associação Protetora dos Animais de Marataízes (Apamar), no entanto, asseguram que “é normal o recolhimento de gatos recém-nascidos, e que, com cuidado e carinho, a sobrevivência é alta”.

Explicam que o leite é introduzido por conta gotas ou umedecido em algodão. Para a Apamar, “essa crueldade não tem justificativa, principalmente vinda de uma pessoa esclarecida, dentro de uma instituição educacional respeitada e na frente de alunos”.

Fonte: O Fato



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.