Eles moram a mais de 1.000m de altitude

5

O pizzaiolo Norbert Klettenhammer, o popular “Norberto” (62), sempre preferiu as montanhas. Nascido em Dobbiaco, Norte da Itália, na divisa com a Áustria, vivia a 2.000 metros e sua família era a moradora do ponto mais alto da sua região, conhecida como “Dolomiti”.

Há 23 anos, quando escolheu o Brasil para viver, o italiano tratou de procurar uma propriedade em Venda Nova do Imigrante, na Região Serrana, que tivesse as mesmas características da sua terra natal. O sítio fica a 1.200m de altitude, no Distrito de Alto Caxixe, de onde se avista a Pedra Azul, o Pico do Forno Grande e a Serra do Caparaó. No inverno, a temperatura chega a zero grau na propriedade. “A altura me dá paz e sossego”, diz o pizzaiolo.

A exemplo de Norberto, outras pessoas vivem nas alturas. A altitude é positiva quando o lugar está acima desse nível e negativa quando está abaixo. Quando a altitude aumenta, a temperatura ambiente diminui aproximadamente 1 grau Celsius.

Fonte: FMZ
Segundo o geógrafo Lázaro Boone, a distância vertical entre o cume de uma montanha, por exemplo, e o nível do mar é conhecida como altitude absoluta. Altitude relativa é a altitude de uma montanha em relação ao fundo de um vale ou a diferença de altitudes entre duas montanhas.
Diferença de até cinco graus do centro
O casal Jean Carlos Peterle (33) e Débora Possebon Martins (32)vive a 1.086 metros de altitude, na zona rural de Venda Nova do Imigrante. A vista privilegiada e a tranquilidade pesaram na escolha do sítio, próximo da Pedra do Rego, uma das montanhas mais altas do município, com 1.441 metros.

A diferença de temperatura é sentida quando eles vêm à cidade. “Saio com o bebê de sete meses todo agasalhado e, quando chego lá embaixo, está mais calor. Dá até cinco graus de diferença”, conta a assistente social.

Ela diz que se pudesse moraria ainda mais alto. “O problema é a dificuldade para captar água em terrenos com mais aclive.” Como está bem próximo da cidade, o casal não vê dificuldade de locomoção.
Brejetuba tem a sede mais alta
Brejetuba é o município com a sede mais alta do Espírito Santo. De acordo com dados da biblioteca do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística- IBGE/ES, a cidade fica a 780 metros acima do nível do mar, superando até Domingos Martins, onde fica a Pedra Azul.

O município maior produtor de café arábica do Estado tem zonas de temperaturas e altitudes variadas e faz divisa com o Estado de Minas Gerais em uma região de clima quente.

Até o ponto máximo da BR-262 no Espírito Santo fica no município de Brejetuba. Uma placa indica 1.174 metros de altitude, na altura da localidade de Alto Silveira.
Altitude favorece produção de café
A 1.100 metros de altitude, o cafeicultor Joselino Meneguetti (62), de Rancho Dantas, zona rural de Brejetuba, consegue grãos mais doces e valorizados pelo mercado de cafés especiais. Ele explica que isso só acontece com plantações em locais mais frios e sombreados na maior parte do dia.

A propriedade está cercada por Mata Atlântica. “Isso favorece a maturação, que é mais lenta onde há mais altitude e concentra mais doçura no café”, diz Meneguetti. De acordo com ele, a temperatura do lugar onde mora varia de 10 a 22 graus.

O cafeicultor mora a poucos metros do Topo do Urubu, com 1.300 metros em relação ao nível do mar, ponto mais alto do município. De lá é possível ver os municípios de Afonso Cláudio, Conceição do Castelo, Ibatiba, Muniz Freire, a Pedra Azul, Venda Nova do Imigrante e ainda um trecho de Minas Gerais. O local é destino de esportistas radicais, a exemplo dos jipeiros, motociclistas e praticantes de voo livre.

A qualidade do produto do cafeicultor de Rancho Dantas pesa na cotação de preço. Uma saca do seu café de qualidade já foi vendida a R$ 1.000,00. E outro reconhecimento é o contrato de três anos com uma cafeteria de São Paulo, considerada uma das melhores do mundo. O frio tem as suas vantagens.
Frio é risco para quem mora muito alto
Os principais males físicos que grandes altitudes podem causar estão relacionados ao frio, à oxigenação e à diferença de pressão entre o corpo e o ar ambiente, salienta o médico Pedro Luiz Júnior.

Altitude elevada prejudica principalmente praticantes de esportes, como escalada, pois quanto maior a altitude, menor é a quantidade de oxigênio, o comprometendo a respiração e o rendimento dos atletas.

No caso de quem vive em altitudes muito elevadas, o risco, ainda que menor, é o da tuberculose. “É a única doença propícia em grandes altitudes, mas com os tratamentos atuais e o uso de medicamentos específicos, não representa tanto risco.”

Sedes municipais mais altas
1º- Brejetuba- 780m
2º- Dores do Rio Preto e Ibitirama- 770m
3º- Ibatiba- 740m
4º- Irupi- 730m
5º- Pinheiros- 710m
6º- Santa Maria de Jetibá- 700m
7º- Divino de São Lourenço- 680m
8º- Iúna- 661m
9º- Santa Teresa- 655m
10º- Muniz Freire e Vargem Alta- 650m
11º- Venda Nova do Imigrante- 630m
12º- Domingos Martins- 620m

Os distritos mais altos
1º- Melgaço (Domingos Martins)- 980m
2º- Aracê (Domingos Martins) e Garrafão (Santa Maria de Jetibá)- 970m
3º- Urânia (Alfredo Chaves)- 900m
4º- Santa Marta (Ibitirama)- 820m
5º- Mundo Novo (Dores do Rio Preto)- 790m

Mais imagems

2
4


Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.