Conta de luz ficará 23,58% mais cara no Espírito Santo a partir de 07 de agosto

Conta

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou na manhã desta terça-feira (5), durante reunião pública, o reajuste nas tarifas de clientes da Escelsa no Espírito Santo. Para os consumidores residenciais, o reajuste será de 22,74%. Os novos valores serão aplicados a partir da próxima quinta-feira (8) para 1,4 milhão de unidades consumidoras localizadas no Estado.

Ao calcular o reajuste, a Aneel considera a variação de custos que a empresa teve no ano. O cálculo inclui custos de distribuição e outros custos que não acompanham necessariamente o índice inflacionário, como energia comprada, encargos de transmissão e encargos setoriais.

O reajuste aprovado médio é de 23,58%. Para os clientes de alta tensão da Escelsa, que são as indústrias, o aumento será de 21,99%. Já para os consumidores residenciais, o reajuste será de 24,71%.

Mais informações sobre os reajustes tarifários podem ser consultadas no endereço eletrônico oficial da www.aneel.gov.br.



Publicidade


Outras Notícias


Espírito Santo enfrenta desafio de vencer transmissão vertical do HIV, da hepatite B e da sífilis

Leptospirose é doença grave e transmitida por água contaminada de enchentes

Publicado decreto que autoriza uso do FGTS para compra de próteses

Saiba mais sobre as vacinas contra a gripe disponíveis no Brasil

Santo Apolônio, seu amor a Deus foi concreto

Inscrições para Cachoeirense Ausente de 2018 abrem nesta sexta (23)

Desfile e mostra cultural festejam emancipação de Cachoeiro

“A defesa da água é a defesa da vida”, afirma Papa

São Zacarias, Papa

Mais de cinco mil assinaturas reivindicam asfalto em comunidades de Alegre

São Nicolau de Flue, eremita

Prefeitura de Cachoeiro tenta disciplinar trânsito em cruzamento

Pai é preso suspeito de estuprar a filha de 11 anos em Marataízes

PM encontra pé de maconha dentro de casa em Cachoeiro

Torta Capixaba Orgulho da Nossa Gastronomia

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.