Centro de Atendimento ao Surdo de Cachoeiro desenvolve projeto de jiu-jitsu

Giu

Com o objetivo de incluir a comunidade surda, o Centro de Atendimento ao Surdo (CAS) de Cachoeiro de Itapemirim está desenvolvendo o projeto “A Arte Suave de Cachoeiro”, que ensina os princípios básicos da arte marcial jiu-jitsu. Atualmente, a iniciativa beneficia 15 estudantes que possuem deficiência auditiva, sendo também aberto para a comunidade local.

O projeto tem por finalidade incluir socialmente surdos e ouvintes no ambiente educacional, por meio do esporte, atuando como uma ferramenta de interação e inclusão social.

“A ação tem movimentado significativamente a comunidade surda de nossa escola, elevando a autoestima de nossos alunos, proporcionando a interação com os ouvintes. Além da socialização, o projeto também estimula os estudantes a participarem de outras ações desenvolvidas no CAS”, destacou o diretor Wanderson da Silva Santos.

As aulas, voltadas para crianças, adolescentes, jovens e adultos, contam com um interprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras), assim possibilitando aos estudantes aprenderem sobre o histórico do jiu-jitsu, golpes básicos, regras, dentre outras técnicas da modalidade esportiva.

“A capacidade de atenção dos surdos e seu sentido de visão aguçado ocasionado pela falta do sentido da audição, facilita a compreensão e o aprendizado”, pontuou o diretor.

Segundo o mestre de jiu-jitsu, Edson Lázaro, o projeto formará campeões dentro e fora do tatame, pois valores como disciplina, humildade, respeito e educação serão agregados aos participantes.

“Jiu-jitsu é um esporte que visa totalmente à técnica e à eficiência sobre seu adversário, estimulando o raciocínio rápido e a inteligência na hora de momentos difíceis no combate, um verdadeiro xadrez humano”, explicou o mestre.

Os interessados em participar do projeto “A Arte Suave de Cachoeiro” devem procurar o CAS das 9 às 17 horas, horário de funcionamento semanal da instituição, e apresentar documentos pessoais e comprovante de residência. Menores de idade só poderão efetuar a participação mediante a autorização de pais ou responsáveis.



Publicidade


Outras Notícias


PREFEITURA DE CACHOEIRO E SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE AMPLIA EXAMES

Caminhoneiro sofre sequestro-relâmpago e tem caminhão roubado em Cachoeiro

Motorista morre afogado em Itapemirim

Jovem de 15 anos morre após perder o controle de motocicleta na curva de Boa Vista, em Marataízes.

Público não comparece ao Carnaval de Cachoeiro

São Martiniano - O jovem eremita

Caminhão e carro batem de frente e duas pessoas morrem na BR 101 em Atílio Vivácqua

Campanha coleta mais de 40 toneladas de lixo eletrônico em Cachoeiro

Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.