ES reforça atenção contra Ebola, mas disseminação é improvável

Eb

O Espírito Santo repassou a estabelecimentos de saúde e órgãos responsáveis pelo controle de doenças infecciosas um informe técnico do Ministério da Saúde (MS) que reforça a atenção contra eventual surgimento de suspeitas de Ebola no Estado. A iniciativa é uma precaução contra o vírus, cujo foco é registrado na África e apresenta baixo risco de disseminação fora dos países de origem. Portanto, não há motivo para alerta.

De acordo com o coordenador do Centro de Emergência em Saúde Pública do Estado, Gilton Almada, embora o Espírito Santo receba muitos viajantes vindos de fora, sobretudo devido ao comércio internacional realizado nos portos capixabas, as características da doença minimizam as chances de transmissão. Além disso, caso isso aconteça, os serviços de saúde estão preparados.

“O informe técnico só reforça as ações que devem ser colocadas em prática em suspeitas da doença, que pode se desenvolver no deslocamento de avião ou de navio ou se manifestar a partir do momento que o viajante está no Brasil. Esse protocolo é de conhecimento das autoridades. A transmissão do Ebola só ocorre por meio de contato físico, o que dificulta sua disseminação. Não há motivo para alarde”, afirma.

Ele continua. “Caso isso aconteça, o Espírito Santo está preparado. Todos os hospitais que atendem doenças infecciosas têm estrutura para fazer esse tratamento. A nota técnica emitida pelo Ministério da Saúde tem o objetivo de tranquilizar as equipes de saúde e a população em relação a essa situação, reforçando o fluxo de encaminhamento desses pacientes diante de suspeitas”, explica o coordenador.

Além de hospitais públicos e privados, o documento foi enviado às equipes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que atuam nos portos, aeroportos e fronteiras, bem como os profissionais dos setores de vigilâncias municipais capixabas.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.