Tragédia no Rio faz governo antecipar nova campanha de desarmamento

Desarmamento

O governo federal decidiu antecipar, em pelo menos dois meses, uma nova campanha de desarmamento, que vai recolher armas da população em troca de pagamento. O ministro da Justiça, José Eduardo Martins Cardozo, declarou que o motivo da antecipação foi o assassinato de 12 estudantes numa escola municipal no Rio na última quinta-feira (7). As armas usadas eram ilegais.

A ideia da pasta é começar a campanha no próximo dia 6 de maio. Ela deve durar até o fim do ano. Antes do ataque no Rio, o governo planejava o início em julho. Na próxima segunda-feira (18), a pasta vai reunir várias entidades públicas e civis interessadas no desarmamento para acertar os detalhes, como os valores e formas de pagamento.

Cardozo lembrou os resultados das três últimas campanhas, realizadas entre 2004 e 2009, que, segundo ele, coletaram mais de 1 milhão de armas de fogo.

- Ficou absolutamente claro que, quando se realiza essas campanhas, você tem uma redução na mortalidade muito forte, de 50%.

Umas das inovações propostas para a próxima campanha é o pagamento extra por munições, possibilidade que será estudada juridicamente, segundo Cardozo.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.