Espírito Santo é mercado para a tecnologia italiana

Stone

A Cachoeiro Stone Fair 2015 apresenta um grande leque de inovações no segmento de rochas ornamentais quando o tema está voltado para máquinas, equipamentos e insumos. A grande demanda por máquinas para os processos de beneficiamento e a extensa gama de novos materiais expostos no mercado brasileiro, tem movimentado cada vez mais o setor de rochas ornamentais, especialmente com as atividades da feira. E nos últimos anos, algumas tendências vêm se fortalecendo e concretizando entre o Brasil e a Itália. Uma delas é o crescimento de exportação para outros mercados.
De acordo com dados fornecidos pelo Sindicato das Indústrias de Rochas Ornamentais, Cal e Calcário do Estado do Espírito Santo (Sindirochas), os maiores compradores das rochas capixabas são os Estados Unidos, com U$$ 249 milhões; a China com 30,6 milhões e a Itália com 20,4 milhões. Entre rochas brutas e manufaturados, o Estado do Espírito Santo ocupa o patamar de maior exportador do Brasil.
Segundo o diretor executivo da Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio e Indústria do Rio de Janeiro, Giorgio Luigi Rossi, “um grande percentual de rochas recebe algum tipo de trabalho antes da exportação e não somente em seu estado bruto. Sendo assim, grande parte dessa cooperação se dá com a Itália, já que esse país é o principal exportador de tecnologia para o Brasil para o setor de rochas, seja em valor (são 2/3 do total importado) como em toneladas”.
O diretor executivo complementa: “Com a situação contingencial da Itália, parece que os italianos enxergam o Brasil como uma oportunidade ainda mais interessante para explorar e fixar como mercado para a tecnologia italiana. E, é claro, que a Vitória e Cachoeiro Stone Fair são as feiras mais importantes para tal mercado. E com a VeronaFiere e a marca Marmomacc Latin América, as feiras ganharam uma visibilidade maior ainda dentro do mercado italiano. Algumas empresas italianas que se instalaram no mercado capixaba, como a Pedrini, fortalecem não somente a cooperação internacional, mas também o mercado interno brasileiro”, observa Giorgio Luigi Rossi.
A italiana Pedrini já participa da Cachoeiro Stone Fair há mais de 15 anos. O gerente de vendas, Giuseppe Vavassori pontua a participação na feira e as oportunidades que o evento proporciona.
“A Pedrini está na feira de Cachoeiro por vários motivos: os polos industriais de Cachoeiro e região, que são uma espécie de termômetro para o mercado interno e para exportação; temos muitos clientes que precisam de uma referência e de um parceiro técnico para ajudá-los a crescer, e a Pedrini está sempre disponível para isso; acreditamos desde sempre que o Brasil é o grande país da América do Sul que deu um grande retorno para nós”, disse o gerente.
Sobre as principais novidades que a empresa levará para a feira, Giuseppe revela que as expectativas são as melhores e que a edição deste ano será trabalhada de uma forma diferente.
“Mesmo cientes que a situação econômica do Brasil está freando os investimentos, nossas expectativas são imensas. Temos um grande objetivo nesta feira que será divulgar, projetar e propor plantas para beneficiamento de mármore. O granito domina e vai continuar para sempre, mas o mármore vem a ser uma grande alternativa para o crescimento das empresas e do setor. Já existem algumas máquinas no Brasil para beneficiar o mármore, mas são poucas e o potencial é enorme”, conclui Giuseppe.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.