Professores da rede estadual entram em estado de greve

Profe

No que se refere à educação, sua bandeira de campanha, o governador Paulo Hartung (PMDB) está enfrentando uma semana conturbada. Além da decisão do desembargador Arthur Neiva negando o Agravo de Instrumento impetrado pelo governo do Estado contra a sentença que determina a reabertura das escolas, há ainda a ocupação do Movimento Sem Terra (MST) no estacionamento da Secretaria de Educação que culminou com a ocupação do Palácio Anchieta nessa terça-feira (8). Os militantes cobram diálogo com o governo sobre o fim da pedagogia da alternância nas escolas dos assentamentos. O magistério estadual também deve causar outra dor de cabeça governador.

Nessa terça-feira (8), os trabalhadores da rede estadual de educação decidiram em assembleia pelo estado de greve. A assembleia contou com a presença de 400 professores e foi tomada diante da postura do governo do Estado, que não apresentou respostas concretas às reivindicações da categoria .

Na segunda-feira (7), houve uma reunião da categoria com o com o secretário Estadual de Educação Haroldo Rocha e assessores da Secretaria Estadual de Gestão e Recursos Humanos (Seger) para apresentar a pauta de reivindicações.

O secretário não apresentou soluções para pautas antigas da categoria, como reajuste salarial, plano de carreira; concurso público; contratação de professores em Designação Temporária (DT´s); além de reenquadramento; Plano Estadual de Educação (PEE); pagamento de precatórios; entre outros.

A possibilidade de greve dos professores da rede estadual, a situação do governo do Estado fica bem delicada. Hartung aposta no Escola Viva como programa de vitrine de seu terceiro mandato, mas as insatisfações da comunidade escolar estão se acumulando e devem complicar a tranquilidade de Hartung no restante do seu mandato.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.