Inquilino descobre que seria despejado por atraso de aluguel e põe fogo em residência de Cachoeiro

Fogo-em-csa

Ao descobrir que seria despejado por não pagar o aluguel há um ano, um homem ateou fogo na residência e fugiu. O crime aconteceu por volta das 21h da última quinta-feira (14), em Cachoeiro de Itapemirim. As chamas foram controladas pelo Corpo de Bombeiros, que apontou, inicialmente, que o incêndio foi criminoso. O laudo definitivo deve ficar pronto em 15 dias.

De acordo com informações dos Bombeiros, de um lado da residência funciona uma madeireira e do outro um borracharia, e o fogo colocou em risco a vida de várias pessoas. Apesar do susto, ninguém se feriu. A casa, localizada na rua Agostinho Tirelo, ficou totalmente destruída pelas chamas. O inquilino não foi localizado para prestar esclarecimentos.

A proprietária do terreno contou aos bombeiros que há um ano cobrava o aluguel em atraso. Ela conseguiu na Justiça uma ordem de despejo, para que o inquilino desocupasse o imóvel. Ao saber da decisão, ele teria ateado fogo na casa. A Polícia Civil de Cachoeiro vai apurar o caso.



Publicidade


Outras Notícias


Espírito Santo enfrenta desafio de vencer transmissão vertical do HIV, da hepatite B e da sífilis

Leptospirose é doença grave e transmitida por água contaminada de enchentes

Publicado decreto que autoriza uso do FGTS para compra de próteses

Saiba mais sobre as vacinas contra a gripe disponíveis no Brasil

Santo Apolônio, seu amor a Deus foi concreto

Inscrições para Cachoeirense Ausente de 2018 abrem nesta sexta (23)

Desfile e mostra cultural festejam emancipação de Cachoeiro

“A defesa da água é a defesa da vida”, afirma Papa

São Zacarias, Papa

Mais de cinco mil assinaturas reivindicam asfalto em comunidades de Alegre

São Nicolau de Flue, eremita

Prefeitura de Cachoeiro tenta disciplinar trânsito em cruzamento

Pai é preso suspeito de estuprar a filha de 11 anos em Marataízes

PM encontra pé de maconha dentro de casa em Cachoeiro

Torta Capixaba Orgulho da Nossa Gastronomia

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.