Papa Francisco lembra vítimas de ataques em Munique e Cabul

Papa-1 (1)

Na tradicional oração do Angelus, na Praça São Pedro, o papa Francisco lembrou hoje (24) as vítimas do ataque em um centro comercial de Munique, na última sexta-feira (22), que matou dez pessoas, e do atentado terrorista em Cabul, no Afeganistão, ontem (23), que deixou 80 mortos.

Ao rezar pelas vítimas, o pontífice disse que “quanto mais insuperáveis parecem as dificuldades e mais obscuras são as perspectivas de paz e segurança, ainda mais insistente deve se ser nossa oração”.

Em telegrama enviado ao Arcebispo de Munique, cardeal Reinhard Marx, o papa manifestou solidariedade às vítimas do ataque ao centro comercial e disse que “compartilha a dor dos sobreviventes e expressa sua proximidade no sofrimento”.

No telegrama, o secretário de Estado do Vaticano, Pietro Parolin, diz que Francisco recebeu “com consternação” as notícias do ataque e que “manifesta sua profunda solidariedade a todos os que foram atingidos no atentado e agradece às forças de socorro e ordem pelo trabalho atento e generoso”.



Publicidade


Outras Notícias


Espírito Santo enfrenta desafio de vencer transmissão vertical do HIV, da hepatite B e da sífilis

Leptospirose é doença grave e transmitida por água contaminada de enchentes

Publicado decreto que autoriza uso do FGTS para compra de próteses

Saiba mais sobre as vacinas contra a gripe disponíveis no Brasil

Santo Apolônio, seu amor a Deus foi concreto

Inscrições para Cachoeirense Ausente de 2018 abrem nesta sexta (23)

Desfile e mostra cultural festejam emancipação de Cachoeiro

“A defesa da água é a defesa da vida”, afirma Papa

São Zacarias, Papa

Mais de cinco mil assinaturas reivindicam asfalto em comunidades de Alegre

São Nicolau de Flue, eremita

Prefeitura de Cachoeiro tenta disciplinar trânsito em cruzamento

Pai é preso suspeito de estuprar a filha de 11 anos em Marataízes

PM encontra pé de maconha dentro de casa em Cachoeiro

Torta Capixaba Orgulho da Nossa Gastronomia

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.