Alimentação saudável e exercícios ajudam a combater câncer de mama

Frutas

Comer frutas e legumes, beber muita água e fazer exercícios são hábitos indicados para prevenir doenças, mas nem sempre é fácil encaixá-los na rotina. Na campanha contra o câncer de mama de 2016, a Sociedade Brasileira de Mastologia vai frisar a importância de uma vida saudável como forma de combater o câncer de mama. Este ano, a estimativa é que 60 mil brasileiras sejam diagnosticadas com a doença, que é a que mais mata mulheres no país.

A campanha contra o câncer de mama da SBM começou hoje (1º) com o tema “A vida pede atitude. Movimente-se: faça mamografia anualmente”, e destaca que o diagnóstico precoce é fundamental para o tratamento rápido e a cura da doença. A iniciativa foi pensada a partir de pesquisa recente da entidade, que mostra que o risco de desenvolver a doença aumenta em mulheres com excesso de gordura corporal no abdômen na pré e na pós-menopausa.

A coordenadora da pesquisa, Jordana Carolina Marque Godinho Mota, que comparou grupos de mulheres atendidas no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Goiás, disse que os alimentos saudáveis ajudam a regular o metabolismo. Por outro lado, produtos açucarados, industrializados e gordurosos desregulam as funções do corpo.

“A alimentação inadequada altera hormônios corporais, como, por exemplo, a insulina. Quando aumenta a quantidade de insulina que o corpo precisa para absorver a açúcar no corpo, por exemplo, essa insulina pode agir na mama causando alteração, favorecendo o câncer”, explicou.

Com base nos dados, a pesquisadora constatou que a chance de desenvolver o câncer de mama cai de 74% para 49% em quem tem uma vida saudável. Ela recomenda que as mulheres já saiam de casa com a alimentação planejada para o dia todo, fazendo pequenas refeições a cada três horas, em média, evitando alimentos industrializados, refrigerantes, frituras e gorduras. As medidas, segundo Jordana, também as pacientes que estão no tratamento contra a doença.

A SBM também incentiva os médicos a fazerem um atendimento completo, com paciência, além de defender ampliação do acesso à mamografia, exame que depende aparelho específico. Outra preocupação da entidade é a diminuição do tempo entre o diagnóstico e o tratamento, que não pode passar de 60 dias. As mulheres também têm direito a uma cirurgia reparadora, se necessário.

Mulheres com mais de 40 anos devem fazer exames anuais. “De um ano para o outro, um caroço pode aumentar muito e dificultar o tratamento”, disse a pesquisadora.

Dicas de hábitos saudáveis para evitar o câncer de mama:

. Comer a cada três horas, em pequenas quantidades
. Priorizar alimentos naturais e evitar os industrializados
. Evitar açúcar e carboidratos, especialmente refrigerantes, pão branco e macarrão
. Reduzir a ingestão de gorduras
. Comer proteínas, frutas legumes e verduras



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.