Professora de Castelo planeja morte do marido para ficar com o amante

G_whatsapp-image-2016-11-01-at-162444636136199354639714

Uma professora de 40 anos foi presa nesta terça-feira (1º) por planejar a morte do próprio marido. A vítima sofreu uma tentativa de homicídio na localidade de Ponte de São João, zona rural de Castelo. O fato aconteceu por volta das 6h, quando a o homem saía em sua moto para trabalhar.

Segundo informações do delegado responsável pelo caso Marcelo Meurer, um celta prata emparelhou a motocicleta na qual a vítima pilotava e disparou aproximadamente seis vezes em sua direção. Destes tiros, três acertaram de raspão. Ainda de acordo com Meurer a vítima teve que se fingir de morta para conter a ação dos bandidos. Ele aproveitou o momento em que os criminosos saiam do carro e conseguiu fugir por uma mata próxima ao local.

Após a tentativa de homicídio a vítima foi até a delegacia acompanhado da esposa para registrar o boletim de ocorrência. Durante o interrogatório a polícia acabou descobrindo que a principal suspeita do atentado era a própria esposa da vítima. “Ao ser interrogada, ela entrou em contradição por diversas vezes em seu depoimento e confessou toda a história logo em seguida”, afirma o delegado. Segundo a esposa, a vítima não aceitava o fim do relacionamento, então, ela e o amante, um motorista de 38 anos, decidiram tirar a vida do marido.

O amante foi preso em Vitória pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) na tarde de hoje (1). Há também outros dois envolvidos no crime, mas que ainda não foram encontrados. O autor e a professora foram autuados em flagrante por tentativa de homicídio. Ele foi encaminhado para o Centro de Triagem de Viana (CTV), e a professora foi levada para o Presídio Feminino de Cachoeiro.

Mais imagems

G_whatsapp-image-2016-11-01-at-162443


Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.