Justiça recebe ação de improbidade contra tabeliã interina de Castelo

Cast

O juiz da 1ª Vara de Castelo (região sul do Estado), Joaquim Ricardo Camatta Moreira, determinou o recebimento de uma ação de improbidade contra a tabeliã interina Gerusa Vieira da Cunha Fardim, do Cartório de Registro Civil e Tabelionato do município. Ela foi denunciada pelo Ministério Público Estadual (MPES) por suposta adulteração do documento de arrecadação de imposto relativo a um imóvel, juntamente com sua filha, Izabel, que também se tornou ré no processo.

Na decisão publicada nesta sexta-feira (4), o magistrado avaliou que não se exige “prova cabal da conduta lesiva do agente ao patrimônio público, apenas a plausibilidade jurídica acerca da existência do ato”. Camatta Moreira entendeu que a questão – a ocorrência de suposto crime contra a fé pública – deve ser avaliada com maior profundidade no decorrer da ação. A partir de agora, a tabeliã e a filha serão citadas para responder às acusações. O município de Castelo também será intimado, para, querendo, se habilitar na ação.

Na denúncia inicial (0002222-44.2016.8.08.0013), o MPES aponta indícios de alteração no conteúdo do Documento de Arrecadação Municipal, destinado à arrecadação do ITBI (Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis). A promotoria alega que a tabeliã recebeu os valores para quitação do tributo, mas não repassou aos cofres da prefeitura. O órgão ministerial sustenta a responsabilidade solidária da tabeliã, em conjunto com Izabel, escrevente contratada pela titular do cartório e responsável direita pelo alegado desvio.

De acordo com informações do sistema Justiça Aberta, mantido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o cartório “Vieira da Cunha” está declarado como vago. Gerusa assumiu a serventia em novembro de 2011. No primeiro semestre deste ano, o cartório praticou 8.644 atos, que proporcionou uma arrecadação de R$ 115 mil.



Publicidade


Outras Notícias


Espírito Santo enfrenta desafio de vencer transmissão vertical do HIV, da hepatite B e da sífilis

Leptospirose é doença grave e transmitida por água contaminada de enchentes

Publicado decreto que autoriza uso do FGTS para compra de próteses

Saiba mais sobre as vacinas contra a gripe disponíveis no Brasil

Santo Apolônio, seu amor a Deus foi concreto

Inscrições para Cachoeirense Ausente de 2018 abrem nesta sexta (23)

Desfile e mostra cultural festejam emancipação de Cachoeiro

“A defesa da água é a defesa da vida”, afirma Papa

São Zacarias, Papa

Mais de cinco mil assinaturas reivindicam asfalto em comunidades de Alegre

São Nicolau de Flue, eremita

Prefeitura de Cachoeiro tenta disciplinar trânsito em cruzamento

Pai é preso suspeito de estuprar a filha de 11 anos em Marataízes

PM encontra pé de maconha dentro de casa em Cachoeiro

Torta Capixaba Orgulho da Nossa Gastronomia

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.