Espírito Santo tem novo alerta de chuva forte e risco de inundação

Alerta-chuva

O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) emitiu um alerta nesta quarta-feira (16) a respeito das chuvas na Região Sudeste. De acordo com o órgão, o cenário é de risco de inundação e movimentos de massa não só no Espírito Santo, mas também no Rio de Janeiro e em Minas Gerais.

Segundo o Cemaden, a previsão meteorológica é de chuva durante esta quarta-feira no norte do Rio de Janeiro, leste de Minas Gerais e grande parte do Espírito Santo. Em algumas localidades podem ocorrer pancadas de chuva com intensidade moderada a forte, com atenção para os grandes centros urbanos e suas regiões metropolitanas.

O Cemaden aponta ainda que a possibilidade de abertura, manutenção ou atualização de alertas de risco geo-hidrológicos é alta para esses estados devido aos acumulados de chuva das últimas 48 horas e a continuidade de chuvas na região.

Já o Instituto Capixaba de Pesquisa Técnica e Extensão Rural (Inacper) recomendou estado de observação para os próximos dias. De sexta-feira (18) para a manhã do sábado (19), a chuva deve se intensificar, provocando acumulados significativos em trechos do Espírito Santo, acompanhadas de rajadas de vento e trovoadas. Não se descarta uma eventual queda de granizo, exceto nas cidades da Grande Vitória, litoral sul e litoral norte.

Em caso de situação de perigo iminente, recomenda-se entrar em contato com os órgãos de Defesa Civil, para que os mesmos tomem as medidas adequadas, visando minimizar os impactos causados por essas condições meteorológicas adversas.

No Estado, as chuvas que tiveram início no último final de semana e continuaram durante todo o feriadão e fizeram com que o nível de rios capixabas subisse. Mas a chuva tão esperada também deixou rastros de destruição em Cachoeiro de Itapemirim e Fundão.

Previsão

A previsão é que a chuva continue caindo no Espírito Santo até o final do mês. Foi o que apontou os meteorologistas do Climatempo. De acordo com eles, é normal na primavera no verão as chuvas atingirem a região Sudeste, e em alguns períodos o volume é maior. Segundo o Climatempo, a chuva não foi trazida por frente fria, mas sim por conta de uma área de baixa pressão que se formou no continente, principalmente no sudeste.



Publicidade


Outras Notícias


Novas suspeitas de obras superfaturadas em Presidente Kennedy

Santos Rodrigo e Salomão - Sacerdotes mártires

Veículo com marcas de tiros é encontrado abandonado em bairro de Cachoeiro

Soldados do Exército chegam à Cachoeiro e já atuam em pontos estratégicos

Sesa atualiza dados de febre amarela

ProUni: estudantes capixabas ganham mais prazo para apresentar documentos

Fespes vai denunciar Estado Brasileiro a entidades internacionais de direitos humanos pelo caos no ES

Procurador-geral da República vem ao Estado para dar aval à 'reforma da PM'

Governo abre processo contra 703 militares envolvidos em ‘revolta armada’

Famílias de militares seguem irredutíveis na porta dos batalhões

Nossa Senhora de Lourdes

São Miguel Febres - Padroeiro dos pedagogos

Atenção! Excesso de peso na mochila pode prejudicar saúde das crianças

Peritos aceleram liberação de cadáveres para receber mais corpos no DML

ARENA VERÃO 2017 COMEÇA NESTE FINAL DE SEMANA EM MARATAÍZES

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.