Prefeito de Castelo tem o diploma cassado

Passi

O juiz da Terceira Zona Eleitoral, Joaquim Ricardo Camatta Moreira, decidiu pela cassação do diploma do prefeito de Castelo, Luiz Carlos Piassi (PMDB), e de seu vice Pedro Nunes de Almeida (PSDB).

A sentença julgou procedente a ação movida pelo Ministério Público Eleitoral, que acusou a então chapa majoritária nas eleições de 2016 de prática de captação ilícita de recursos em campanha.

Apesar da decisão, o prefeito Piassi tem prazo de três dias para recorrer. Este é o segundo processo em desfavor do atual gestor; o outro, por conta de condenação por improbidade administrativa, já transitado em julgado, antes das eleições. Neste caso, ele conseguiu concorrer ao pleito ‘à sombra’ de uma liminar, que é contestada na justiça.

A Câmara Municipal recebeu em maio a notificação da Promotoria Eleitoral dando ciência do trânsito em julgado de ação de improbidade administrativa, que culminou na perda dos direitos políticos do prefeito. A reportagem não conseguiu contato com o prefeito.

O prefeito Piassi informou que já prepara recurso, que será apresentado dentro do prazo estabelecido pela justiça eleitoral.

“Contratamos um escritório de contabilidade para atuar para toda a coligação. Tivemos amigos e familiares que colaboraram em doações para a campanha. Porém, ao invés do contador fazer a transferência dos valores para a conta da campanha, fez depósito direto. Ou sea, houve um erro de forma; não há desvio, nem nada nada escuso”, explicou.

Fonte: O Fato



Outras Notícias


Unidades de saúde estendem horário de atendimento

Médicos alertam sobre superbactéria transmitida sexualmente

Mulher é baleada na cabeça e abdômen

Morador de Itapemirim encontra corpo em rio

Adolescente de 16 anos é detido com drogas e arma em Cachoeiro

Saiba como pedir aposentadoria por idade pela internet ou telefone

Bolsa Família começa a pagar benefício com reajuste

Pagamento da primeira parcela do 13º de aposentados começa em agosto

Brasil tem 677 casos de sarampo confirmados, diz Ministério da Saúde

São Símaco era conciliador, homem de justiça e sinal de paz

Santo Henrique e Santa Cunegundes

Mulher é presa transportando droga nas partes íntimas em Vargem Alta

Câmara aprova gratuidade na conta de luz para famílias de baixa renda

Veículo precisa de autorização do Detran para usar gás. Saiba quais cuidados tomar!

Homem suspeito de matar a esposa é preso em Atílio Vivácqua

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.