Anatel proíbe Oi de cobrar por ligações de orelhões em 14 estados e ES

Orelhao-oi

Consumidores podem fazer ligações locais e de longa distância nacionais de forma gratuita a partir de orelhões da Oi em 15 estados, incluindo o Espírito Santo. A decisão, da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), começou a valer no domingo (1º) e segue em vigor até 30 de março de 2018.

A gratuidade vale para telefones públicos do estado capixaba, além de Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Roraima, Santa Catarina e Sergipe.

Em uma fiscalização realizada em agosto de 2017, a Anatel verificou que nesses estados o nível de orelhões em condições de operação não atingiu os patamares estabelecidos pela agência reguladora. A disponibilidade dos orelhões deve ser de no mínimo 90% em todos os estados e de no mínimo 95% nas localidades atendidas somente por orelhões.

De acordo com a Anatel, a gratuidade se manterá até o dia 30 de março de 2018, quando deverá ser divulgado o resultado da próxima fiscalização sobre as condições de disponibilidade dos orelhões.



Outras Notícias


Servidor capota carro da Prefeitura de Cachoeiro de madrugada

Santo Eleutério, homem de enorme simplicidade e comunhão

Apae de Cachoeiro vai receber R$ 400 mil para reforma e ampliação

Homem é baleado na porta de casa em Cachoeiro

Intervenção federal no Rio: ES prepara plano para defender divisa

Cerca de 23 mil famílias capixabas podem se beneficiar da Tarifa Social de Energia Elétrica

Suspeito de matar ex-companheira no meio da rua em Cachoeiro é preso no Rio

Psiquiatra do ES faz alerta sobre consumo precoce de álcool entre jovens

Semana inicia com mais de 560 vagas de emprego nas agências do Sine

São Conrado - Eremita franciscano

Horário de verão: governo voltará a discutir se acaba com período

Morre presbítero de Cachoeiro vítima de acidente de carro em Presidente Kennedy

Com ponte quebrada, moradores carregam idoso doente em cadeira para consulta em Castelo

Hospitais do ES poderão ser obrigados a informar tipo sanguíneo de recém-nascidos

Projeto prevê gratuidade de CNH para pessoas de baixa renda desempregadas

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.