Homem é preso em Castelo suspeito de envenenar o filho para tentar reatar casamento

B7ef6320-aef0-0136-52c5-6231c35b6685--minified

Um homem de 35 anos foi preso suspeito de envenenar o próprio filho, um menino de 7 anos, em Castelo, no sul do Estado. A prisão foi realizada por policiais da Delegacia de Polícia (DP) do município, na manhã desta quarta-feira (10), no bairro Vila Barbosa.

A criança havia passado mal após ingerir uma bebida láctea de uma cooperativa de leite da região. De acordo com o titular da DP de Castelo, delegado Marcelo Meurer Ramos, as investigações descobriram que o suspeito envenenou o filho na esperança de reatar o relacionamento amoroso com sua ex-esposa.

Contra o suspeito havia um mandado de prisão em aberto. Segundo o delegado, no momento da prisão, o suspeito tentou fugir, mas foi impedido pelos policiais.

“Inicialmente, o pai da criança negou ter qualquer participação no envenenamento, porém, na delegacia, ao ser reinquirido, ele confessou o crime”, afirmou Ramos.

O homem foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cachoeiro de Itapemirim, onde ficará à disposição da Justiça.



Outras Notícias


Nascidos em janeiro e fevereiro começam a receber abono salarial

Filtro solar: saiba por que é importante retocar o produto ao longo do dia

Inep divulga notas do Enem na sexta-feira

Carteira de identidade com hora marcada e sem fila em Cachoeiro

Confira a programação de verão pelo Espírito Santo

Calendário Escolar 2019: aulas na rede estadual começam dia 05 de fevereiro

Mansão e mais 49 imóveis vão a leilão na segunda (21)

Militares vão atuar de forma mais intensa no Programa Mais Médicos

São Berardo e companheiros mártires

Primeira edição do Sisu 2019 deve abrir mais de 235 mil vagas

Santa Elisabete Ana Bayley Seton, obediente ao Senhor

Seis personalidades da Cultura Capixaba receberão a Comenda Rubem Braga

São Lázaro - amigo de Cristo

Santa Cristiana, instrumento providencial

Projetos em defesa dos animais são votados

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.