Meningite: atenção aos sintomas e cuidados para combater a doença

Meningite

Escolhido como “Dia Mundial de Combate à Meningite”, o dia 24 de abril é reservado para orientar a população e profissionais da saúde sobre essa doença que é caracterizada pela inflamação das meninges e atinge aproximadamente de 2.500 pessoas por ano no Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde.

De acordo com a infectologista Rubia Miossi, a meningite é classificada em três tipos. A viral, que tem transmissão pelas vias respiratórias, apresenta quadro mais leve, com sintomas parecidos com os da gripe e resfriado e atinge principalmente crianças. “É importante tratar adequadamente porque pode deixar sequelas, mesmo sendo mais leve”.

“Normalmente, a pessoa apresenta febre, dor de cabeça, rigidez na nuca, ausência de apetite e irritabilidade. Quando diagnosticada, a orientação é ingerir analgésicos e antitérmicos para o alívio dos sintomas”, explica.

Já a bacteriana, transmitida também pelas vias respiratórias ou a partir de quadros infecciosos, pode ser mais grave e deve ser tratada imediatamente, já que apresenta risco de sequelas para o paciente. “Nesse caso, os sintomas mais comuns são febre alta, náusea, vômitos, dor forte de cabeça e no pescoço, dificuldade para encostar o queixo no peito e, às vezes, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo”, alerta. A infectologista enfatiza: “Dor de cabeça com vômitos ou confusão mental é uma emergência e é preciso ir ao pronto-socorro imediatamente”.

Na meningite fúngica, a médica assinala que os sintomas são os mesmos da bacteriana, mas a transmissão é feita pela inalação de pequenos pedaços de fungos, que entram aos pulmões e também atingem as meninges. “O diagnóstico é feito com avaliação clínica somada ao exame de líquor (líquido que envolve o sistema nervoso), para identificar o tipo de agente infeccioso”, pontua a especialista.

Rubia Miossi destaca que “quanto antes for diagnosticada e tratada, menos riscos há de o paciente sofrer sequelas”. Por isso, é tão importante que, aos primeiros sintomas, seja feita uma avaliação médica.



Outras Notícias


Justiça suspende reajuste do pedágio na BR-101 previsto para a próxima semana

MPES investiga relação de 22 mortes com corrupção na Santa Casa de Guaçui

Descoberto esquema criminoso que atua na prefeitura e Câmara de Guaçui

São Bernardino de Sena, homem zeloso

Empresário cachoeirense morre após colidir em barranco

Dia D da vacinação contra a gripe será no próximo sábado (4)

Oito concorrem ao título de Cachoeirense Ausente de 2019

Governo autoriza início de obras do Caminhos do Campo em Cachoeiro de Itapemirim

Sisu abre inscrições para instituições públicas de ensino no dia 2

Cadastro Nacional de Adoção passa por atualização em projeto piloto no ES

Pastoral da Pessoa Idosa emite nota contra reforma da Previdência de Bolsonaro

Cortes de verbas para universidades federais podem indicar futura privatização

Santo Atanásio - Bispo e Doutor da Igreja

Espírito Santo registra primeira morte por supergripe em 2019

Porteiro vence as dificuldades com ajuda de alunos e passa no vestibular

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.